Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Richarlison se revolta após homem negro ser espancado até a morte no Carrefour

Homem foi espancado por seguranças de um supermercado em Porto Alegre

Rogério Araujo
Jornalista formado pelo Centro Universitário de Brasília - UNICEUB. Colaborador do Torcedores desde 2017. Dono do canal Séries e Filmes no Instagram.

Crédito: Divulgação/Players' Tribune Football

A morte de um homem negro nesta quinta-feira (19), em um supermercado da rede Carrefour, em Porto Alegre, revoltou o jogador da seleção brasileira Richarlison.

Segundo o site G1, o homem negro era João Alberto Silveira Freitas, de 40 anos. Ele foi espancado até a morte por dois homens brancos, na véspera do Dia da Consciência Negra. Os dois seriam seguranças do supermercado.

“Parece que a gente não tem saída…Nem no dia da Consciência Negra. Aliás, que consciência? Mataram um homem negro espancado na frente das câmeras. Bateram e filmaram. A violência e o ódio perderam de vez o pudor e a vergonha. George Floyd, João Pedro, Evaldo Santos foram em vão?”, escreveu Richarlison em sua conta no Twitter. “Covardia demais”, completou ele em outro post.

LEIA MAIS: