Suárez diz que positivo para Covid-19 de jogador do Palmeiras foi “golpe muito duro” no Uruguai

Suárez admitiu que os jogadores abaixaram a guarda, mas reforçou que, infelizmente, é inevitável

Danielle Barbosa
Colaboradora do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/Atlético de Madrid

O atacante Luis Suárez pediu desculpas pelo churrasco feito entre os jogadores do Uruguai, feito durante a última Data Fifa, e apontado como principal ‘vilão’ na sua contaminação por Covid-19, que o tirou do jogo contra o Brasil, no último dia 17, quando a seleção uruguaia foi derrotada em casa por 2 a 0, em jogo válido pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2022.

“Há muitas pessoas que estão nos criticando (pelo churrasco). De fato, cometemos um erro e pedimos perdão. Mas também não precisamos transformar essa situação em algo maior do que é. Temos que reconhecer a parte da culpa que é nossa. Seremos responsáveis pelo que somos culpados”, disse Suárez em entrevista realizada neste domingo.

“O contágio não aconteceu pelo que está na foto, isso é claro. O que ocorre é que tivemos o azar de ter alguém que já estava contaminado desde o jogo contra a Colômbia [o 1º da data Fifa]. O positivo de Matías Viña foi um golpe muito duro para todo o plantel”, acrescentou, se referindo ao lateral do Palmeiras, primeiro jogador do Uruguai a testar positivo.

Acompanhe as notícias do seu time do coração pelo Facebook

Vale ressaltar que o elenco do Palmeiras vive um surto de Covid-19, e 19 jogadores – além de membros da comissão técnica – testaram positivo para o vírus nas últimas duas semanas, incluindo o volante e lateral Gabriel Menino, cortado da seleção brasileira e impedido de enfrentar o Uruguai por também estar infectado.

“Baixamos um pouco a guarda. Temos que ser realistas. Infelizmente, é inevitável. Mas que isso sirva de lição para todos os jovens e as pessoas em situação de risco. Temos que seguir nos controlando, apesar de sermos testados todos os dias”, complementou o atacante.

Além de ficar de fora do jogo contra o Brasil, Suárez não pode disputar o clássico contra o Barcelona, em partida que marcaria o primeiro reencontro com sua ex-equipe. Mesmo sem o atacante, o Atlético de Madrid venceu por 1 a 0. O uruguaio ainda comentou o fato de ter que ficar afastado dos filhos.

“Como pai, estou me sentindo péssimo. Ainda não consegui ver minha família depois de passar tantos dias concentrado. Estou fechado em um apartamento. Meus filhos apareceram de surpresa, mas nos vimos através de uma janela, a 50 metros de distância. É uma situação muito difícil”, completou.

LEIA MAIS:
Haaland vence o “Golden Boy”, e brasileiro surge no Top-10 da premiação
Concorda? Ex-jogador da seleção diz que Neymar é uma mistura de CR7 e Messi

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes