NFL: Onde assistir os jogos do Wild Card AO VIVO

Domingo de playoffs tem clássico no Norte, rivalidade entre Titans e Ravens e muito mais!

Lucas Silva
21 anos | Jornalista | Podcaster | Criador do Saída Falsa. Vivo falando sobre a vida, o universo e tudo mais. Apaixonado pelo futebol americano desde 2008, sofro semanalmente com Corinthians, New Orleans Saints e Miami Heat.

Crédito: Baker Mayfield comemora classificação aos playoffs (Foto: USA Today)

Se o sábado (09) foi teste para cardíaco nos três jogos deste Wild Card, o domingo tem a premissa de o dobro de emoção.

As 15h tem Titans e Ravens, depois às 18:40 Drew Brees e cia. recebem o Chicago Bears. E a noite, às 22:15, os Browns enfrentam o Pittsburgh Steelers.

Todos os jogos serão transmitidos ao vivo pela ESPN e no NFL GamePass.

O que esperar? – Tennessee Titans vs Baltimore Ravens

Primeiramente, o grande destaque é o running back Derrick Henry, que chegou a 2 mil jardas terrestres, liderando o quesito na liga.

O WR AJ Brown não treinou na última sexta e é dúvida para o jogo por problemas no joelho. Os demais jogadores treinaram normalmente e devem ir a campo.

Parar Lamar Jackson, no entanto, não será fácil, já que Tennessee cede uma média de 120 jardas terrestres/jogo.

Vale destacar que nos playoffs da temporada passada, os Titans venceram Baltimore do então MVP Lamar Jackson por 28 a 12.

Derrick Henry, jogador dos Titans, realiza um stiff arm sobre o jogador dos Ravens Earl Thomas

Derrick Henry (22) realizando um stiff arm em Earl Thomas (29) (Foto: USA Today)

Por outro lado, Baltimore tem dores de cabeça: quatro titulares da unidade estão como questionáveis. Entre eles, os DEs Calais Campbell e Yannick Ngakoue.

Lamar Jackson, que oscilou no início da temporada, deu a volta por cima: 9ª maior marca em jardas terrestres (1005)

Contudo, passando a bola, seu aproveitamento está entre os piores da liga, apenas 64.4% (9º pior).

Se Lamar conseguir distribuir mais o jogo aéreo contra uma das piores defesas aéreas da liga, pode fazer a diferença.

O que esperar? – New Orleans Saints vs Chicago Bears

Os Saints vivem temporada duvidosa novamente: o time vai “pipocar” de novo em playoffs?

Para começar: esta pode ser a última temporada do QB Drew Brees, que fará 42 anos no próximo dia 15 de janeiro.

Brees teria dito aos membros dos Saints, ainda em setembro, que se aposentaria ao final da temporada.

Para o jogo de hoje, Alvin Kamara e Michael Thomas foram ativados a vão à campo. Trey Hendrickson e Nick Easton não jogam.

Dec 24, 2017; New Orleans, LA, USA; New Orleans Saints quarterback Drew Brees (9) celebrates after throwing a touchdown to wide receiver Ted Ginn (not pictured) during the second quarter against the Atlanta Falcons at the Mercedes-Benz Superdome.

Será que Drew Brees vai se aposentar ao final da temporada? (Foto: Derick E. Hingle/USA Today)

Já o Chicago Bears, dois titulares da defesa estão fora. São eles o LB Roquan Smith e o CB Buster Skrine. Do outro lado da bola, o jovem Darnell Mooney também está fora da partida por conta de um problema no tornozelo.

O time, que começou “bem” a temporada, mas que cambaleou bastante ao decorrer dela, conseguiu a vaga para o Wild Card nos acréscimos.

Com Mitchell Trubisky de titular, os Bears tiveram seis vitórias e três derrotas, importantes nessa campanha de playoffs.

Para o confronto contra os Saints, Chicago confia na sua forte defesa, ancorada pelo talentoso Khalil Mack.

VEJA TAMBÉM

O que esperar? – Cleveland Browns vs Pittsburgh Steelers

Pela primeira vez em 12 anos, os Browns voltam a pós-temporada.

A seca, que durava desde 2002 finalmente teve um fim, agora, o desafio é buscar a primeira vitória em playoffs desde 1995.

Porém, o desafio não será fácil: o HC Kevin Stefanski testou positivo para a COVID-19 e não chamará as jogadas na sideline.

Além do treinador, o time tem desfalques: Joel Bitonio também testou positivo e está fora, Denzel Ward se manteve na lista de infectados.

Sem contar os questionáveis Wyatt Teller e Jack Conklin, o DT Sheldon Richardson e o WR Donovan-Peoples Jones.

Por fim, os Steelers buscam uma hegemonia sobre os Browns: são 17 vitórias seguidas em casa diante de Cleveland.

A equipe conta com a volta dos titulares para o clássico e com todos a disposição do HC Mike Tomlin.

Os Steelers conta com o 15º melhor ataque aéreo da liga (média de 250.2 jardas/jogo). Em compensação, a equipe tem o pior ataque terrestre da liga (menos de 85 jardas/jogo).