Recuperado da Covid, Pelaipe se coloca no mercado e diz desconhecer interesse do São Paulo

Dirigente deixou o Coritiba no fim do ano após a mudança de gestão mesmo tendo contrato até fevereiro

Matheus Leal
Colaborador do Torcedores.com e do Hashtag Rubro-Negro.

Crédito: AD São Caetano/Reprodução

Com presidente recém-empossado, o São Paulo segue em busca de um novo para assumir o cargo de gerente de futebol. Um dos nomes cogitados foi o de Paulo Pelaipe, que deixou o Coritiba no fim de ano após a troca de gestão.

No entanto, de acordo com apuração do Torcedores.com, Pelaipe ainda não foi procurado oficialmente pelo São Paulo. Em contato com a reportagem, o dirigente afirmou estar totalmente recuperado da Covid-19 após ficar internado na UTI e disse estar apto para retomar os trabalhos.

“Vejo pela imprensa que meu nome foi comentado pelos torcedores. Primeiramente, me sinto 100% recuperado da Covid e quero voltar ao trabalho. Porém, até o momento, só estou sabendo de possíveis interessados via imprensa e rede social”, disse.

Além do São Paulo, o nome de Pelaipe também foi ventilado no Botafogo.

Brasileirão: 34 jogadores deixaram seus clubes com o fim de ano; veja lista completa

ÚLTIMOS TRABALHOS:

Paulo Pelaipe alternou os últimos anos trabalhando em clubes de grande expressão como o Flamengo e também equipes com menor orçamento, como o São Caetano.

No Flamengo, Pelaipe trabalhou duas vezes na última década. A passagem mais recente foi em 2019. O dirigente foi um dos nomes importantes na temporada multi-campeã do Rubro-Negro. Em 2020 iniciou o ano no São Caetano com o título da Série A2 do Paulistão e depois trabalhou no Coritiba até o fim de dezembro.