Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Dança dos técnicos: apenas 4 times não trocaram de treinador no Brasileirão 2020

Brasileirão ainda tem em disputa mais cinco rodadas e clubes devem seguir promovendo mudanças

Marcel Thomé
Jornalista e assessor de imprensa

Crédito: Lucas Uebel/Grêmio

O Brasileirão ainda tem mais cinco rodadas para o fim, mas nada menos do que 80% dos clubes na disputa já trocaram de treinador. Apenas Grêmio, Atlético-MG, Santos e Ceará se mantém sob os comandos dos treinadores que começaram a competição em 2020. A fonte é um levantamento feito pelo colunista Rodolfo Rodrigues, do UOL Esporte.

O treinador há mais tempo em um clube da Série A é Renato Gaúcho, que é o comandante do Grêmio há 4 anos e cinco meses. O time de Porto Alegre é o atual sétimo colocado no Brasileirão, mas está na final da Copa do Brasil.

O argentino Jorge Sampaoli está no comando do Atlético-MG há 11 meses – o clube mineiro é o terceiro colocado e ainda na briga pelo título do Campeonato Brasileiro.

No Ceará, nono lugar na tabela de classificação do Brasileirão, o técnico Guto Ferreira está no cargo há dez meses e tem bastante prestígio.

Cuca, finalista da Libertadores com o Santos, está há apenas seis meses no clube alvinegro e, após abrir mão de algumas rodadas do Brasileirão para ter força máxima no torneio sul-americano, terá que lutar muito para conseguir terminar no G-6 – além de torcer para que Palmeiras e Grêmio continuem no grupo para consequentemente abrir mais vagas que darão classificação para a Libertadores 2021.