Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Dentil/Praia Clube larga na frente pela final da Superliga Feminina de Vôlei

A equipe de Uberlândia mostrou forte desempenho ofensivo e agora está mais próxima de seu segundo título na competição

Thiago Chaguri
Colaborador do Torcedores

Crédito: Wander Roberto/Inovafoto/CBV

O Dentil/Praia Clube venceu o clássico mineiro e saiu na frente pela final da Superliga Banco do Brasil de Vôlei. Disputada na “bolha” do complexo da sede da CBV (Confederação Brasileira de Vôlei), em Saquarema (RJ), o Praia abriu 1 a 0 na série melhor de três, com parciais de 25/21, 25/12, 21/25 e 25/22. Destaques para a ótima atuação da oposta dominicana Brayelin Martinez, com 22 pontos e para a ponteira Michele, que anotou 14 e foi eleita a melhor jogadora da partida, faturando o Troféu VivaVôlei.

 

O jogo

Primeiro set

O Praia Clube venceu o primeiro set por 25/21, mas logo no início perdeu Jineiry Martinez. Após um bloqueio, a central pisou no pé de sua irmã, Brayelin, e torceu o tornozelo. Para seu lugar, entrou a experiente central Walewska. No retorno, a equipe do triângulo mineiro apresentou consistência defensiva, dando condições para a levantadora Claudinha distribuir bem as ações para suas atacantes. O bloqueio contribuiu com dois pontos e também amorteceu os ataques do Minas, proporcionando qualidade para o contra-ataque.

Forçando o saque, produziu três aces e conseguiu dificultar o passe e a construção de jogadas do rival. Apresentando bom volume de jogo, a equipe anotou 16 pontos de ataque e contou com grande desempenho da ponteira Michele, maior pontuadora da parcial, com sete.

Segundo set

Não bastando o grande desempenho no primeiro set, o time de Uberlândia voltou ainda melhor para o segundo, enquanto o Minas piorou sua performance. O Praia continuou desestabilizando a defesa adversária através do saque e, taticamente, afetou a qualidade da recepção e a produção ofensiva da equipe de Belo Horizonte. O ataque despejou 14 pontos e o bloqueio funcionou muito bem, anotando quatro pontos.

Com um desempenho irreconhecível em todos os setores, o Minas sentiu psicologicamente logo no início da parcial o ímpeto praiano e sucumbiu. A equipe foi atropelada e cometeu muitos erros de ataque e defesa, assistindo o Praia, que não entregou nenhum ponto por erros no set, ganhar a parcial por um dominante 25/12.

 

Terceiro set

Mostrando outra postura, o Minas voltou muito bem para o terceiro set. Imprimiu bom ritmo no ataque e se ajustou defensivamente. O saque encaixou e o ataque fluiu melhor, conquistando 14 pontos. A levantadora Macris conseguiu acionar mais suas centrais, que se destacaram. Thaisa guardou sete pontos e Carol Gattaz contribuiu com mais seis.

A equipe da capital contou também com a “síndrome do terceiro set” do Praia, que diminuiu muito o ritmo e chegou a estar com sete pontos de desvantagem. Na final da parcial até ensaiou uma reação, porém já era tarde, o Minas fechou em 25/21.

 

Quarto set

Mantendo o bom momento do set anterior, o Minas abriu 5 a 1. No entanto, o Praia recuperou-se e rapidamente empatou. Adiante, o equilíbrio tomou conta da partida, com as duas equipes apresentando um bom desempenho e consistência ofensiva. Após o 17 a 17, o Praia desequilibrou através do alto nível de seu bloqueio já apresentado nos dois sets iniciais, tomou a frente no placar e freou a reação do adversário. Fechou a parcial em 25/22, desbancou o favoritismo minastenista e venceu a primeira partida da série por 3 sets a 1.

Com esta vitória, a equipe de Uberlândia acabou com um jejum de seis derrotas seguidas para o rival da capital. Sua última vitória havia sido no dia 07 de novembro de 2019, por 3 sets a 2, na conquista do campeonato mineiro daquele ano. O Minas estava invicto havia 20 jogos na Superliga. A última derrota havia sido na sexta rodada quando perdeu para o Osasco São Cristovão Saúde.

Sábado as equipes retornam à quadra para segunda partida da final. Caso o Praia Clube vença, conquistará o título. Se o Minas triunfar, forçará o terceiro encontro para segunda-feira (05).

 

Transmissão:

O SporTV 2 irá exibir a partida ao vivo:

01/04 (Quinta-feira) – Itambé/Minas 1×3 Dentil/Praia Clube – 20h

03/04 (Sábado) – Dentil/Praia Clube x Itambé/Minas – 21h

05/04 (Segunda-feira) – Itambé/Minas x Dentil/Praia Clube – 21h (se necessário)