Verstappen e Hamilton mostram empolgação sobre disputa pelo título

Separados por apenas um ponto no Mundial de Pilotos, após duas corridas, Max Verstappen e Lewis Hamilton estão se mostrando empolgados com uma disputa que se apresenta franca e aberta pelo título da Fórmula 1 em 2021.

Fernando Cesarotti
Jornalista, professor universitário e fã ardoroso de qualquer esporte. ,

Crédito: @F1/Twitter

Vencedor do GP da Emilia Romagna, neste domingo, o piloto da Red Bull só perde a liderança porque o rival da Mercedes obteve a volta mais rápida nos instantes finais da corrida. “É uma longa temporada, vamos manter a calma”, diz Verstappen sobre a ansiedade em alcançar a liderança.

A Red Bull não tem um piloto em primeiro mo Mundial desde 2013, quando Sebastian Vettel ganhou seu quarto e último título pela equipe. “Vamos continuar trabalhando duro. Estou feliz com a vitória, mas a corrida já passou e o campeonato continua.”

Embora a Red Bull seja apontada como dona do melhor carro até agora, Verstappen evita o otimismo. “Tenho que continuar evoluindo para manter isso por toda a temporada”, disse. E completou mostrando a satisfação de enfim poder desafiar a Mercedes. “É muito bom lutar contra eles, que vêm sendo dominantes. Vencer a corrida é bom, mostra que estamos na briga, mas não garante nada.”

Enfim um desafio à altura

Nos últimos quatro anos, Depois de ganhar quatro títulos em seguida com poucos adversários à altura, especialmente desde a segunda metade de 2019, Hamilton também está animado com o desafio. “É a primeira vez em um bom tempo que a Red Bull tem um carro vencedor, extou empolgado pela batalha”, avisou.

Depois de vencer na base da estratégia no Bahrein, Hamilton perdeu a liderança em Ímola ainda na primeira volta e cometeu um erro que o mandou para o meio do pelotão. Mas, na relargada após o acidente entre George Russell e Valtteri Bottas, conseguiu se recuperar, alcançar a segunda posição e fazer a melhor volta.

“Foi importante, porque ia ficar para trás sem esses pontos. A Red Bull foi mais rápida em todo o fim de semana, a McLaren e a Ferrari também parecem mais fortes. Teremos bons desafios vindo por aí“, concluiu. O próximo será o GP de Portugal, no circuito de Portimão, no próximo dia 2.

LEIA MAIS:

Fórmula 1 anuncia GP de Miami a partir de 2022

Russell baixa a bola após bronca da Mercedes e promete se entender com Bottas