Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

New York City se recusa a liberar Castellanos para o Palmeiras e encerra negociações

Verdão esperava chegar a um acordo por Castellanos para ter o jogador à disposição em uma eventual disputa de oitavas de final da Libertadores

Danielle Barbosa
Jornalista. Escrevendo para o Torcedores desde 2014.

Crédito: Divulgação/NYCFC

O New York City informou a diretoria do Palmeiras que não irá liberar o atacante Valentín Castellanos para se transferir ao Verdão neste momento. Segundo o ‘ge’, o clube norte-americano encerrou as negociações por não querer abrir mão de um jogador que é titular absoluto, único centroavante disponível no elenco neste início de temporada e que já marcou três gols nas primeiras três rodadas da Major League Soccer (MLS).

Aniversário CLUBE EXTRA

Clique e veja as melhores promoções!

+ Grupo do Manchester City demostra interesse em desembolsar 10 milhões de euros por joia do Palmeiras, mas clube quer o dobro

O Palmeiras já tinha um acordo com o jogador, que queria vestir a camisa do Verdão por enxergar a chance jogar no Brasil como uma evolução na carreira. O argentino ainda receberia um salário maior e chegou a pedir para não atuar mais pelo New York City para acelerar a negociação.

A equipe Alviverde também havia acertado toda a parte financeira da operação com o grupo City, responsável administrativo pelo clube norte-americano, que concordou em receber 4 milhões de dólares (cerca de R$ 22,5 milhões na cotação atual) por 70% dos direito econômicos do jogador de forma parcelada a partir de 2022.

Faltava ao Palmeiras apenas a liberação do New York City para anunciar a contratação do atacante pedido pelo técnico Abel Ferreira, mas o clube estadunidense acabou não liberando o atleta de 22 anos para se transferir ao Brasil.

A contratação de um atacante é um pedido do técnico Abel Ferreira, que desde o final da temporada passada fez questão de deixar claro a necessidade de ter um concorrente para Luiz Adriano no elenco. A diretoria Alviverde já buscou nomes como Hulk, hoje no Atlético-MG, Borré, do River Plate, e Ademir, do América-MG, mas nenhuma das negociações avançaram. O clube tem até o dia 23 de maio para buscar reforços no exterior – depois disso, poderá contratar apenas jogadores no mercado interno.

As melhores notícias de esportes, direto para você

    

 

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes