Tiago Nunes avalia gol sofrido pelo Grêmio como “acidente de percurso”

Mesmo em vitória, Tiago Nunes falou sobre o erro da defesa do Grêmio contra o Caxias. Tricolor Gaúcho mantém invencibilidade com o técnico

Rafael Brayan
Estudante de jornalismo. Colaborador especialista e editor-plantonista do Torcedores.

Crédito: Foto: Divulgação/Grêmio

O técnico Tiago Nunes manteve o 100% no comando do Grêmio neste domingo (2). O time venceu o Caxias por 2 a 1 fora de casa pela semifinal do Campeonato Gaúcho. Em terceiro jogo, o comandante valorizou mais uma vez a atuação da equipe e minimizou erro em gol sofrido.

“Defendemos bem, foi um lance de acidente de trabalho. O Rafinha estava saindo para fazer a cobertura, os jogadores do Caxias se aproximaram para cobrar curto. Rafinha estava para ser o segundo jogador, o atleta do Caxias bateu direto. O Rafinha ficou mais adiantado, deu a casquinha e a bola entrou no segundo pau”, disse Tiago Nunes.

O treinador do Grêmio também analisou o restante da partida, que contou com dois gols de Diego Souza. “Tivemos uma atuação, a maior parte do tempo, equilibrada. A equipe conseguiu defender bem. Tivemos um espaço entre o minuto 28 até o 38, onde sofremos, por mérito do adversário, que conseguiu na sua construção ofensiva, fazer uma saída com três ou até quatro jogadores, sobrecarregar a nossa linha defensiva”, afirmou.

“Colocamos os volantes para cima da nossa linha e sobrecarregou a primeira marcação. E consequentemente o adversário teve mais posse e conseguir situações de infiltrações. Não foram situações tão claras, foi mais volume. Dentro disso, conseguimos reequilibrar, tivemos manutenção de posse muito boa, criar situações de gol”, completou Tiago Nunes.