Abel Neto, da ESPN, desabafa após injúria racial de Danilo Avelar: “Dói muito”

Comentarista negro da ESPN falou sobre a polêmica envolvendo o lateral e zagueiro Danilo Avelar, do Corinthians

Rafael Brayan
Estudante de jornalismo. Colaborador especialista e editor-plantonista do Torcedores.Twitter: @rafaelbrayan_

Crédito: Rpe

Nesta quarta-feira (23), o repórter e comentarista Abel Neto desabafou após mais um caso de injúria racial no futebol brasileiro. O lateral Danilo Avelar, do Corinthians, admitiu que ofendeu um argentino durante partida de Counter-Strike: Global Offensive, na última terça.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!


VEJA TAMBÉM:

+ Paulinho? Guerrero? Veja 6 negociações para o Corinthians ficar de olho na semana

+ Neto relembra dia que foi ofendido no Jogo Aberto: “Ninguém me defendeu”


“Eu li o texto do Danilo Avelar, reconhecendo, pedindo desculpas. É um texto lindo, maravilhoso… mas lindo e maravilhoso seria não ter falado o que ele falou, né? As pessoas parecem que se acostumam e acham normal esse tipo de coisa. Com ofensa, xingamento, insulto racial, mas para quem sofre dó muito”, disse o jornalista no SportsCenter Brasil da manhã.

“Eu já passei muitas vezes por isso e nós negros passamos praticamente a nossa vida inteira aqui no Brasil e no mundo. Esse tipo de coisa tem que acabar. Não adianta falar e depois ‘ai, desculpas, eu respeito’. O melhor, o certo é parar com esse tipo de coisa. Não leva a nada. Só atrapalha, machuca”, desafabou Abel Neto.

DANILO AVELAR SE POSICIONA E CORINTHIANS DEBATE SOLUÇÃO

O Corinthians foi pego de surpresa e debate internamente quais são as opções para punir o atleta. Torcedores pedem a rescisão de contrato com o atleta, ressaltando “a história” do clube alvinegro. Mais cedo, antes do posicionamento oficial de Danilo Avelar, a equipe falou pela primeira vez sobre o caso.

“O Sport Club Corinthians Paulista informa que tomou conhecimento do incidente que envolveu o nome do atleta Danilo Avelar nas redes sociais e que está apurando os fatos e o contexto. Atualizaremos nossa posição tão logo seja possível”, publicou a equipe.

Minutos depois, o próprio Danilo Avelar afirmou que foi ofendido “por um jogador estrangeiro na minha condição de brasileiro”. “Perdi a cabeça, mas, infelizmente piorei a situação: cometi o grave erro de escrever a um adversário uma frase de conotação racista”, continuou.

“Errei, falhei e me envergonho muito disso. Na nossa sociedade temos que abolir qualquer forma de racismo. Gostaria de me desculpar com todos, sem exceção, mas sobretudo com a comunidade afrodescendente. De coração aberto, estou disposto a fazer desse erro um aprendizado honesto e integral.”

“Este caso me abriu os olhos para este grave problema em nossa sociedade. A reflexão que fica é que devemos fazer mais para combater o racismo com vigor e urgência, sem brechas nem exceções. Também quero me desculpar com o Corinthians, uma instituição que desde sempre prega e luta pela igualdade, com a Fiel torcida e com meus companheiros de equipe”, completou Danilo Avelar em nota oficial.