Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Mercado da bola: Lucas Lima pode ser emprestado pelo Palmeiras após polêmica em festa

Futuro de Lucas Lima pode ser em outro clube, mas por empréstimo. Presidente do Palmeiras está pressionado

Rogério Araujo
Jornalista formado pelo Centro Universitário de Brasília - UNICEUB. Colaborador do Torcedores desde 2017. Dono do canal Séries e Filmes no Instagram.

Crédito: ReproduçãoTwitter

Após ser flagrado em uma festa clandestina em meio à pandemia, o meia Lucas Lima foi afastado pelo Palmeiras. A polêmica só piora a situação do jogador no clube, já que ele recebe um grande salário e nunca conseguiu responder às expectativas dos torcedores e dirigentes do Verdão.

De acordo com reportagem do portal Bolavip Brasil, a direção do Verdão está sem paciência com o atleta após mais esse episódio e vê uma solução: empréstimo. “Já encheu o saco. Foi a gota d’água”, teria informado uma fonte ao site.

O presidente Maurício Galiotte estaria pressionando por uma suposta “omissão” sobre o meia, e a nova polêmica piorou ainda mais a situação do mandatário internamente. Por conta disso, uma alternativa para o Verdão seria negociar o jogador por empréstimo para ‘aliviar’ a folha mensal.

Como informado nesta sexta aqui, uma venda do jogador neste momento é complicada. Não há ofertas pelo meia. Também na sexta, o clube divulgou um comunicado no Twitter informando o afastamento do jogador, sem tempo definido.

“O atleta Lucas Lima ficará afastado das atividades no Palmeiras pelo prazo que o Departamento de Futebol entender necessário. O clube tomará as medidas administrativas cabíveis, como sempre fez em casos de quebra de protocolo de saúde”, diz a nota.

Sem poder contar com Lucas Lima, o Palmeiras entra em campo novamente neste domingo (20), às 11h (de Brasília), em partida contra o América-MG, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro 2021. A partida será na casa do Verdão, o Allianz Parque, em São Paulo. O time de Abel Ferreira tem sete pontos na competição e ocupa a sexta posição na tabela

LEIA MAIS: