Rogério Ceni recusa acordo e Flamengo terá que pagar multa milionária; veja quanto

Clube agiu rápido no mercado e anunciou Renato Gaúcho como seu novo treinador até o fim da temporada

Matheus Leal
Setorista e editor-assistente do Torcedores.com

Crédito: Alexandre Vidal/ Flamengo

Demitido na madrugada do último sábado, o técnico Rogério Ceni não aceitou um acordo proposto pelo Flamengo, que terá que pagar multa rescisória integral ao treinador. A informação foi publicada pelo jornal O Globo.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Rogério Ceni tinha contrato com o Flamengo até o final do ano. O clube buscou uma negociação para aliviar o valor a ser pago, mas como o acordo foi rejeitado, a Rubro-Negro terá que desembolsar cerca de R$ 3 milhões, valor da multa rescisória do técnico.

Braz confirma negociações com Renato Augusto, Kenedy e Thiago Mendes e coloca mais alvos na mira do Flamengo

O Flamengo já foi ao mercado, anunciou e apresentou seu novo treinador. Renato Gaúcho já iniciou os trabalhos no clube nesta segunda-feira e estreia na próxima quarta, contra o Defensa y Justicia, pelas oitavas de final da Libertadores. Seu contrato é válido até o fim da temporada e com a possibilidade de renovação caso Rodolfo Landim permaneça no cargo de presidente.

Após a coletiva do novo comandante, o vice-presidente de futebol do Fla, Marcos Braz, explicou que a demissão de Ceni foi pensada e analisou a passagem dele pelo Rubro-Negro.

“A decisão foi muito pensada e analisada. O Rogério deu certo no Flamengo. Quantos treinadores não tiveram o êxito esportivo dele? Foi Brasileiro, Estadual, Supercopa. Foi pensado e é página virada”, disse o dirigente.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes