Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Tóquio 2020: Convocado para Seleção Olímpica, ex-zagueiro do Internacinal não joga há 10 meses

Convocado para atuar nos Jogos Olímpicos, o zagueiro é uma das novidades de André Jardine; As partidas começam no dia 22 de julho

Diogo Rossi
Jornalista. Setorista da Dupla Grenal.Me acompanhe:twitter.com/diogo_rossi youtube.com/DiogoRossiJornalista

O Brasil é o atual medalhista de ouro no futebol masculino. Em Tóquio, André Jardine e seus comandados irão defender a medalha conquistada em 2016 diante da Alemanha. Os convocados do Brasil entram em campo dia 22 diante da própria Alemanha, em Yokohama. Entre os convocados, uma novidade: Bruno Fuchs. Aos 22 anos, o zagueiro ex-Internacional foi convocado na última lista e representará o Brasil na competição. A curiosidade é que o zagueiro do CSKA não entra em campo há 10 meses. Lesões e uma cirurgia atrapalham o atleta vendido pelo Inter por 8 milhões de euros.

Aniversário CLUBE EXTRA

Clique e veja as melhores promoções!

Lesões, cirugia e confiança do técnico

Mesmo que a última partida de Bruno Fuchs tenha sido em 30 de agosto de 2020, contra o Akhmat Grozny, isso não foi problema para sua convocação. A experiência do zagueiro em seleções de base e a confiança do técnico André Jardine foram fundamentais para escolha do jogador na lista final do Brasil em Tóquio. Na última temporada Bruno Fuchs sofreu com duas lesões na perna e teve de passar por uma cirurgia, o fatores que atrapalharam seu aproveitamento no time russo. Recentemente o jogador tem ficado no banco, mas sem minutagem oficial.

Os números de Bruno Fuchs

Aos 22 anos, Bruno Fuchs é cria da base do Internacional. Na carreira, curta, o atleta tem apenas 18 jogos como profissional. Sendo 17 pelo Internacional e 1 pelo CSKA. Bruno Fuchs surgiu no Inter em 2020, mas logo acabou vendido devido a situação financeira do clube. No negócio, o CSKA bancou 8 milhões de euros pelo jogador.

As melhores notícias de esportes, direto para você