Ícone do site Torcedores – Notícias Esportivas

Fórmula 1: Pirelli fala sobre problemas com pneus no GP do Catar

Fórmula 1, Pirelli, GP do Catar

Divulgação/Instagram - @pirelli_motorsport

Pirelli se posiciona sobre os problemas com pneus no GP do Catar de Fórmula 1

Depois de um GP do Catar de Fórmula 1 onde nada menos do que quatro pilotos tiveram problemas com os pneus, a Pirelli veio a público através do seu chefe Mario Isola tentar explicar o que de fato aconteceu para que Valtteri Bottas, Lando Norris, George Russell e Nicholas Latifi tenham abandonado a corrida no último domingo (21).

“Foi na dianteira esquerda por causa do estresse, mas não quero dizer que isso foi causado por excesso de energia. Tudo o que posso compartilhar com vocês é que todos os pneus estavam bastante avariados.” – declarou o chefe da Pirelli, que afirma que a empresa precisa entender o que aconteceu.

Pirelli está aguardando telemetria para dar uma resposta à Fórmula 1

“Vimos cortes nos pneus, mas precisamos entender se isso é antes da perda de pressão ou depois da perda de pressão, mas estamos aguardando os dados de telemetria das equipes. Se a perda de pressão foi repentina ou não. Vimos muitos danos causados pelas zebras nos assoalhos e asas. Quando os pneus estão desgastados, eles podem perder pressão também.” – finalizou Isola.

Fonte: F1 Mania

Leia também

Fórmula 1: Christian Horner da Red Bull é punido por conduta antidesportiva

Fórmula 1: Conheça o ambicioso plano da Aston Martin F1 para dominar a categoria

F1: Rubinho fala sobre possível troca na Mercedes F1 antes do fim da temporada

Fórmula 1: Contratado pela Alpine F1, promessa do automobilismo fala sobre possibilidade de guiar em 2022

Pablo Marí de volta ao Flamengo? Dirigente fala sobre chance do negócio

Que aula! Renato Augusto teve números absurdos em vitória do Corinthians sobre o Santos; confira

Decisão de Arrascaeta, jogadores de saída, Felipe Melo na mira, morte de dirigente, joia no Real: resumo da semana no Flamengo

Após mais de dois anos, Corinthians volta a entrar no G4 do Brasileirão

 

 

Leia mais:

Sair da versão mobile