Torcedores – Notícias Esportivas

Renovação? Brasil tem o ataque mais jovem entre seleções favoritas para a Copa do Mundo; veja lista

Seleção canarinha chega repleta de jovens

Guilherme Lopes
Estudante de Jornalismo, apaixonado pelas estatísticas do bom jogo. Vivo e penso sobre futebol o dia todo.

Crédito: Lucas Figueiredo/CBF

A Copa do Mundo 2022, no Catar, está cada vez mais próxima. A maioria das grandes seleções já estão garantidas na competição e agora só realizam os ajustes finais pensando no maior título do futebol. Nesta sexta-feira (11), o treinador Tite realizou uma nova convocação na seleção brasileira, pensando ainda nos jogos das Eliminatórias.

No entanto, o que mais chamou atenção foi a média de idade dos atacantes convocados. Com exceção do craque Neymar, os demais nomes não “superam” a marca dos 25 anos de idade. Mesmo nomes que ficaram de fora, como Gabriel Jesus, Arthur Cabral e Gabriel Barbosa, também não aumentariam a média tão jovem.

Portanto, o Torcedores.com realizou um levantamento com todos os ataques das seleções consideradas com potencial para chegarem longe na Copa do Mundo. Levando em consideração apenas a última convocação de cada país.

Liderando o quesito, aparece o Brasil com uma média de aproximadamente 23 anos, nomes como Martinelli e Rodrygo influenciaram na média de idade. Para efeito de comparação, a média de idade é menor que as convocações para a Copa de 2014 e 2018. Logo, mostrando que existe uma certa renovação nos comandados por Tite. Ainda assim, tal número não pode ser considerado uma vantagem absoluta. Em seguida, a Inglaterra figura na segunda colocação, entrando na “casa” dos 24 anos, com nomes como Phil Foden e Rashford.

Olhando as seleções mais “experientes” notamos que a Bélgica e França, seguem com boa parte das suas gerações na Copa do Mundo de 2014 e 18. Ambas aparecem empatadas no ranking com média de 27,5 anos. Os números acabaram inflados por nomes como Mertens e Benzema, jogadores que possivelmente disputam a competição pela última vez.

Média de idade:

1º Brasil: 23,2 anos

2º Inglaterra: 24,2 anos

3º Espanha: 24,7 anos

4º Alemanha: 24,8 anos

5º Argentina: 26,1 anos

6º Portugal: 26,7 anos

7º Itália: 27,1 anos

8º Bélgica: 27,5 anos

8º França: 27,5 anos