Torcedores – Notícias Esportivas

Com sondagens da Arábia Saudita, Diego Ribas terá futuro definido em breve pelo Flamengo

Diego Ribas tem contrato com o Flamengo até dezembro de 2022

Wilson Pimentel
Jornalista esportivo desde 1998. Cobriu os principais eventos esportivos da última década. Passou pelas redações do SBT, Record TV, CNT, Esporte Interativo, Rádio Tupi, Rádio Brasil e Rádio Manchete. É correspondente de veículos de comunicação da Colômbia, Croácia, Paraguai e Portugal. Está no Torcedores.com desde 2019.

Crédito: Alexandre Vidal/ Flamengo

A direção do Flamengo espera definir até o fim do Campeonato Carioca a situação de Diego Ribas. Com sondagens de clubes do exterior, o camisa 10 tem boas chances de deixar o rubro-negro após o fim do Campeonato Carioca.

O Torcedores.com apurou que o meio-campista foi procurado nos últimos dias por representantes de equipes da Arábia Saudita. A primeira possibilidade é o Al-Ittihad. Além disso, o Al Hilal também fez contato com o atleta.

Além da negociação com o Flamengo, que será facilitada, é preciso aguardar a decisão de Diego Ribas. Aos 37 anos, ele teve o contrato renovado até dezembro de 2022. O novo acordo prevê liberação imediata, ou seja, o clube não irá receber uma compensação financeira.

Ainda segundo apurou a reportagem, o capitão rubro-negro fazia planos para encerrar a carreira no Flamengo. Desde o ano passado, ele vem planejando sua carreira fora das quatro linhas tanto que concluiu recentemente os cursos da CBF Academy.

A princípio, Diego Ribas tem um acordo verbal com a diretoria rubro-negra para ocupar um cargo dentro do departamento de futebol, porém, ainda sem função definida. Internamente, comenta-se que o jogador possa ser convidado para integrar a comissão técnica no futuro.

Os números de Diego Ribas pelo Flamengo

Contratado pelo Flamengo em 2016, Diego Ribas chegou ao clube durante a gestão de Eduardo Bandeira de Mello para ser uma referência dentro e fora de campo. Desde então, 254 partidas e marcou 41 gols com a camisa rubro-negra.

Nesse ínterim, conquistou a Recopa Sul-Americana (2020), a Copa Libertadores da América (2019), a Supercopa do Brasil (2020 e 2021), o Campeonato Brasileiro (2019 e 2020) e o Campeonato Carioca (2017, 2019, 2020 e 2021). É, portanto, um dos jogadores mais vitoriosas da história do clube.