Torcedores – Notícias Esportivas

Boca Juniors domina jogo, vence Deportivo Cali e se classifica na Libertadores

Domínio total dos argentinos na Bombonera garantiu vitória com gol de Varela. Equipe segue adiante na competição e aguarda sorteio nesta sexta (27)

Christopher Henrique
Estudante de jornalismo pela Universidade Nove de Julho, com passagem pelo SPFC24Horas. Amante do Futebol Nordestino e do interior, visito sempre alguns estádios e sou fotógrafo na várzea.

Crédito: Reprodução/Boca Juniors

Precisando da vitória para se classificar, o Boca Juniors fez a lição de casa e venceu o Deportivo Cali por 1 a 0. O gol de Varela, logo no começo do segundo tempo, garantiu os argentinos além da classificação, o primeiro lugar no grupo, isto porquê o Corinthians ficou somente no empate com o Always Ready em Itaquera.

Desde o começo do jogo, o Boca partiu para o ataque e não teve dificuldades, assustando a equipe de Rafael Dudamel, conseguindo ficar próximo do gol em várias oportunidades. A melhor oportunidade dos donos da casa foi com Varela, que chutou a bola na trave no começo do jogo.

A pressão do Boca continuou na etapa final, até que o mesmo Varela, também sendo o melhor da equipe argentina em campo, abriu o placar aos 9 minutos. Mesmo com a vantagem, o Boca insistia em fazer mais gols, mas o goleiro De Amores fechou o gol, salvando os visitantes.

Com o resultado, o Deportivo Cali, que iniciou a rodada na liderança do grupo, é eliminado da Libertadores e vai disputar a Copa Sul-Americana. Enquanto isso, os argentinos aguardam o sorteio desta sexta-feira (27) para definir o adversário das oitavas de final. Por ter se classificado na primeira posição de sua chave, decidirá a vaga em La Bombonera.

FICHA TÉCNICA

Boca Juniors 1 – 0 Deportivo Cali

Data: 26/05/2022

Horário: 21h00

Estádio: La Bombonera, em Buenos Aires (ARG)

Gol: Varela (BOC), aos 9’/2T

Boca Juniors: Rossi; Figal, Izquierdoz, Rojo e Fabra; Fernández, Varela, Romero e Salvio; Benedetto e Zeballos. T: Sebastián Battaglia

Deportivo Cali: De Amores; Gutiérrez, Burdisso, Caldera e Mafia; Camargo, Congo, Velasco, Jhon Vásquez e Yony Gonzalez; Téo Gutiérrez. T: Rafael Dudamel