Torcedores – Notícias Esportivas

Danica Patrick: a primeira mulher a ganhar uma corrida de F-Indy

Primeira vitória feminina, há 14 anos atrás, deixa um legado na categoria

Erick Montezano
Colaborador do Torcedores

Crédito: Chris Graythen/Getty Images

Em 20 de Abril de 2008, Danica Patrick chegava ao topo do pódio da Fórmula Indy. Mais de uma década se passou e o legado deixado pela ex-pilota ainda segue vivo na memória do esporte. Tal feito não foi só uma conquista pessoal, a vitória de Danica representa um marco na história feminina na competição.

Natural dos EUA, do estado de Illinois, Danica estreou na Indy em 2005, quando tinha apenas 23 anos de idade. Até o triunfo na etapa de Montegi, no Japão, havia conseguido uma série de quartos lugares e, um ano antes da conquista histórica, foi 3 vezes ao pódio.

A presença da pilota em um ambiente de maioria masculino causou estranhamento e despertou curiosidade. Além do primeiro lugar na Indy, Danica também foi pioneira ao ser a primeira mulher a conquistar a pole-position da Nascar. Sobre esse estranhamento causado por sua presença, Danica, na época, fez um desabafo:

“Sempre me perguntavam se eu era capaz de vencer uma corrida. A partir de agora, não haverá mais essa pergunta”

A despedida de Danica Patrick

A pilota se aposentou das pistas em 2018, nas 500 Milhas de Indianápolis. O resultado ruim na prova, na qual ela abandonou na 68ª volta, depois de um acidente, não fez a menor diferença. Ao deixar a pista pela última vez, Danica tinha a certeza de que deixou um legado. Em entrevista ao site Grande Prêmio, ela disse:

“Se não estou abrindo portas, gosto de pensar que mostrei para as garotas, e garotos também, que quando você ama alguma coisa, e quando você coloca na cabeça que quer alcançar alguma coisa, você pode conseguir, não importa o que os céticos dizem”

Ao logo de seus 10 anos de carreira, Danica disputou 116 GPs, conseguiu sete pódios, três poles e duas voltas mais rápidas.