Torcedores – Notícias Esportivas

Fortaleza supera Colo-Colo, faz história e vai às oitavas da Libertadores

Fortaleza conseguiu uma incrível virada em sua situação na fase de grupos e garantiu vaga para o mata-mata da Copa Libertadores

Fabrício Carvalho
Jornalista formado / Rio de Janeiro. Redator de notícias, artigos e relatos sobre futebol nacional e internacional, basquete e esportes americanos.

Crédito: Conmebol Staff Images

CONMEBOL LIBERTADORES 2022 – 6ª RODADA
COLO-COLO3-4FORTALEZA

Em noite histórica para o futebol nordestino nesta quarta-feira (25), o Fortaleza superou o Colo-Colo fora de casa por 4 a 3 em um jogaço de sete gols e garantiu sua vaga às oitavas de final da Copa Libertadores.

O Leão do Pici começou com tudo e logo aos dois minutos de jogo Silvio Romero foi às redes após receber na área dominar para bater firme de perna direita sem chances de defesa para o goleiro Cortés.

Marcelo Boeck foi exigido logo na sequência depois que Gil impou a marcação e vez uma grande defesa para salvar o Fortaleza. Mas a sequência do primeiro tempo ficou marcado por um domínio do meio-campo pela equipe brasileira.

Aos 24′, o Fortaleza ampliou sua vantagem com Lucas Lima roubando no campo ofensivo e achando Moisés no ataque para fazer a infiltração e vencer o goleiro adversário em disputa direta dentro da área.

Sem torcida e com pouco repertório ofensivo, o Colo-Colo apostava em chutões para tentar voltar ao jogo até que conseguiu diminuir pouco antes do intervalo com gol contra de Ceballos, que mandou para às redes após cruzamento de Solari buscando Lucero.

Tudo indicava que a vida do Fortaleza ficaria 100% tranquila no segundo tempo depois que Rojas foi expulso direto após falta dura em cima de Moisés na entrada da área com apenas 5′ da etapa complementar.

Logo na sequência, o atacante foi o responsável pelo terceiro gol do Fortaleza arrancando do meio-campo para vencer toda a marcação chilena e mandar no fundo do gol.

Aos 16′, Yago Pikachu transformou a vitória parcial em goleada recebendo na medida de Romero para vencer Cortés e abrir 4 a 1 num placar que sacramentava o Fortaleza nas oitavas de final.

Relatos vindos do Ceará já mostravam a torcida do Fortaleza se concentrando nas ruas para comemorar a vaga como se fosse um título, mas a reta final foi marcada por drama. Com mais posse de bola, o Colo-Colo diminuiu aos 18′ com Bruno Gutiérrez subindo mais alto que a marcação dentro da área em cobrança de escanteio.

O drama foi ampliado aos 34′ depois que Léo Gil aproveitou escorada de Lucero com liberdade na área para marcar o terceiro do Colo-Colo que atuava com um jogador a menos desde o início do segundo tempo.

Os chilenos apostaram diversas vezes nos cruzamentos para a grande área mas o que realmente assustou foram as chegadas nos acréscimos quando o Colo-Colo quase empatou com Lucero surgindo dentro da área chutando em cima de um marcador que evitou o gol.

E aos 50 minutos o Colo-Colo teve sua última chance em cobrança de falta que foi direto para o gol mas o goleiro defendeu e os comandados de Juan Pablo Vojvoda avançaram às oitavas da Libertadores.