Home Futebol Turco ganha sobrevida no Atlético-MG, que define condição para demiti-lo

Turco ganha sobrevida no Atlético-MG, que define condição para demiti-lo

Técnico do Galo passou por momento de pressão antes da vitória sobre o Flamengo. Times voltam a se enfrentar nesta quarta-feira (22).

João Cunha
Jornalista multiplataforma formado pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) com atuação comprovada em veículos de rádio, TV e web. Apaixonado por narrativas: textuais, visuais e sonoras.

Atlético-MG e Flamengo voltam a se enfrentar nesta quarta-feira (22), no Estádio Mineirão em Belo Horizonte. Os dois times vivem uma realidade distinta. 

PUBLICIDADE

Antes pressionado e agora respaldado, o técnico Antonio Mohamed, do Galo, ganhou sobrevida no comando do time mineiro. A equipe derrotou o Flamengo por 2 a 0 no último final de semana, em jogo pela Série A do Brasileirão.

Situação diferente vive Dorival Júnior, que assumiu recentemente o comando do time carioca. O ex-treinador do Ceará sofre com a pressão por bons resultados e uma derrota, pode impactar a carreira e permanência do treinador no Rubro-Negro.

PUBLICIDADE

Enquanto o Flamengo está inserido em um momento turbulento, o Atlético busca a tranquilidade. A diretoria do Galo estaria convencida de que Turco é o melhor nome para comandar a equipe, que tem como objetivo manter bons resultados em três competições: Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil e Libertadores. 

A mudança de planos da cúpula alvinegra foi apurada pelo site ‘Goal’, que ainda informou a condição para que o técnico seja demitido: uma derrota vexatória.

Vale lembrar, que Turco estava cotado para deixar o comando do Atlético-MG após ser derrotado pelo Fluminense. Na ocasião, o Tricolor das Laranjeiras bateu o Galo por 5 a 3. A permanência do técnico está associada ao tropeço do Flamengo, o que contribuiu para aumentar a sua credibilidade.

PUBLICIDADE

Turco no comando do Atlético-MG

Contratado em janeiro deste ano para assumir o posto deixado por Cuca, campeão Brasileiro na temporada passada, Antonio Mohamed tem 36 jogos a frente do Galo. Até aqui são 23 vitórias, nove empates e apenas quatro derrotas. O técnico conquistou os títulos de Campeão Mineiro e da SuperCopa do Brasil.