Home Automobilismo F1: Aston Martin revela AMR23 e fala em “Considerável evolução”

F1: Aston Martin revela AMR23 e fala em “Considerável evolução”

Aston Martin revela carro para a temporada 2023 pensando em ano competitivo

Carlos Lemes Jr
Olá! Sou Carlos Lemes Jr e sou Jornalista formado, desde 2012, e no Torcedores, desde 2015. Matérias exclusivas pelo site publicadas nos portais IG, MSN e UOL. Escrevo sobre: futebol, mídia esportiva, tênis e basquete. Acredito que o esporte seja uma ótima ferramenta de inclusão, pois, sou cadeirante. Então, creio que uma das minhas "missões" aqui no Torcedores seja cobrir esporte paralímpico. Hobbies: ler, escrever e escutar música.
O brasileiro, e atual campeão da Fórmula 2, Felipe Drugovich será um dos pilotos reserva para 2023. O paranaense contou com o apoio da financiadora XP para fechar contrato com a equipe inglesa

Fernando Alonso (esq) e Lance Stroll (dir) serão os títulares em 2023 (Divulgação/Aston Martin)

PUBLICIDADE

Depois da McLaren, foi a vez da Aston Martin apresentar ao mundo da F1 o AMR23. A cerimônia de lançamento aconteceu nesta segunda-feira, 13 de fevereiro.

A equipe define o novo modelo como uma “Considerável evolução do chassis anterior que levou a equipe a briga por pontos de maneira consistente”.

Para Lawrence Stroll, presidente do time britânico “O trabalho é constante para diminuir a diferença para os primeiros do grid “.

PUBLICIDADE

“Em 2022, demonstramos nossa determinação e resiliência para continuarmos em frente e construir um novo carro, de acordo com a nossas ambições”, define o milionário canadense.

Ambição parece ser o termo que dará um norte na nova temporada. Tanto que para o recém aposentado, Sebastian Vettel, os ingleses trouxeram o bicampeão mundial de 2005 e 2006, Fernando Alonso.

“Eu sempre disse que podia ver o brilho nos olhos do pessoal da Aston Martin. O lançamento do novo modelo e a construção da nova fábrica revelam em que escala está a ambição e determinação nesta equipe”, comentou o espanhol de 41 anos, referindo-se a nova fábrica que está sendo montada em Silverstone, desde 2021.

O outro piloto titular continuará a ser Lance Stroll.

PUBLICIDADE

“Olhando para o AMR23, posso notar o quão agressivo ele é. Levando em conta, o pacote aerodinâmico, ele vai realmente nos ajudar com essas novas regras”, acredita o piloto.

Vale lembrar que um dos pilotos de teste e reserva é o brasileiro Felipe Drugovich, atual campeão da Fórmula 2. Na função, ele terá a companhia do belga Stoffel Vandorne, ex-piloto títular da McLaren.

Outros lançamentos de carros da F1

Com a Aston Martin, esse foi o sétimo modelo apresentado da Fórmula 1 em 2023. Antes, Haas, Red Bull, Williams e a McLaren, já citada, revelaram seus bólidos.

PUBLICIDADE

Ferrari (14 de fevereiro), Mercedes (15 de fevereiro) e Alpine (16 de fevereiro) fecham esse calendário.