Home Futebol Guardiola ‘muda’ cláusula para poder contratar Haaland no Manchester City

Guardiola ‘muda’ cláusula para poder contratar Haaland no Manchester City

Craque dos Citizens tinha cláusula que poderia ser ativada em 2024, contudo, após renovação de Guardiola, essa foi transferida para 2025

William Nunes
Formado em produção audiovisual pela PUCRS, cineasta, redator e escritor, roteirista e Youtuber.

Haaland está em sua primeira temporada no Manchester City e já vem estabelecendo recordes impressionantes com a camisa dos Citizens. O atacante parece estar se adaptando cada vez mais à forma de jogar do clube de Guardiola e a goleada sobre o RB Leipzig é uma evidência disso.

PUBLICIDADE

O jogador tem contrato com os Citizens até 2027, contudo, existe uma cláusula no acordo que pode fazer com que ele saia antes, o técnico Pep Guardiola.

“A renovação de Pep Guardiola até 2025 pelo Manchester City provocou uma alteração nas condições de compromisso de Erling Haaland com o plantel dos Citizens”, falou o jornalista Oriol Domenech, para a rádio Catalunya.

PUBLICIDADE

Isso de deve a uma cláusula no contrato de Haaland, em que ele poderia ter uma saída facilitada a partir de 2024, caso alguma equipe faça uma proposta pelo jogador. Contudo, devido a renovação de Guardiola até 2025 com o Manchester City, a data dessa cláusula também foi mudada para 2025.

Haaland pode ajudar Manchester City a alcançar seu objetivo máximo

Nos últimas cinco anos, os Citizens venceram quatro Premier League, além de vários copas e Supercopas da Inglaterra. O domínio da equipe na Inglaterra é impressionante e já o era mesmo antes de Haaland ser contratado.

O atacante foi contratado para um objetivo maior, vencer a Champions League, objetivo máximo dos Citizens que tem sido muito difícil de alcançar. Na final de 2020/21, o time enfrentou o Chelsea na grande decisão, ficando muito perto de conquistar a competição. Já na última edição, a equipe caiu na semifinal para o Real Madrid.

Recentemente, o atacante norueguês admitiu que o clube não precisa dele para vencer a Premier League, com a Champions League sendo o real motivo de sua contratação.

PUBLICIDADE