Home Automobilismo Interlagos chega a 40 corridas oficiais de Fórmula 1: confira os pilotos mais vencedores do circuito

Interlagos chega a 40 corridas oficiais de Fórmula 1: confira os pilotos mais vencedores do circuito

Grande Prêmio acontece neste domingo com Lewis Hamilton tentando se aproximar de Michael Schumacher

Bruno Marinho
Meu nome é Bruno Marinho e sou jornalista, com a primeira experiência em redação em 2006, como repórter do Diário Lance. Desde então, segui na reportagem, mudando de casa em 2013 - passei a escrever para os jornais O Globo e Extra. Até 2023, acumulei coberturas de clubes cariocas e eventos esportivos in loco - a Copa do Mundo de 2014, os Jogos Olímpicos de 2016, a Copa do Mundo da Rússia em 2018, as Copas Américas de 2019 e 2021, e a Copa do Mundo de 2022. Cobri também eventos de UFC e uma etapa da Fórmula 1 na Turquia. Além da graduação em jornalismo, possuo MBA em Marketing e Comunicação Empresarial e mestrado em História Social. Desde 2023 que faço parte do time da Better Collective, inicialmente trabalhando como content manager de conteúdos comerciais e desde julho como Digital PR, na produção de conteúdos editoriais que elevem a reputação digital de sites que pertencem à empresa, como o Torcedores.com.
Interlagos

IMAGO / Panoramic | Ayrton Senna (no centro) e Michael Schumacher (à direita) são dois dos maiores vencedores do Grande Prêmio da Fórmula 1 em Interlagos

PUBLICIDADE

A temporada 2023 da Fórmula 1 está chegando ao fim e a próxima parada é Interlagos. A pista receberá neste domingo (dia 5) seu 40º Grande Prêmio – foram até hoje 39 corridas oficiais, valendo pontos para o campeonato. Em 1972, a corrida no circuito paulista não rendeu pontuação aos pilotos.

Sendo o Grande Prêmio uma parte importante da história da F1, a equipe do Torcedores.com levantou a tabela de classificação de todos os tempos para comparar as diferentes gerações de pilotos que correram na pista e descobrir quem é o rei de Interlagos.

Metodologia

Para criar a tabela de classificação, coletamos os resultados de todos os Grandes Prêmios do Brasil de 1973 até os dias atuais, realizados em Interlagos, por meio do site oficial da F1.

PUBLICIDADE

Como os sistemas de pontuação da F1 têm sido diferentes ao longo dos anos, aplicamos o atual sistema de pontuação de pontos a todos os resultados para manter a uniformidade na comparação dos pilotos.

Por exemplo, o Grande Prêmio do Brasil de 2002, vencido por Juan Pablo Montoya. O colombiano recebeu 10 pontos pela vitória na prova, enquanto hoje receberia 25 pontos. Além disso, apenas os oito primeiros colocados receberam pontos em 2001, enquanto hoje os 10 primeiros terminariam com pontuação.

Portanto, nessas situações, atribuímos pontos de acordo com os padrões de pontuação atuais e, em seguida, geramos a tabela de classificação.

Schumacher lidera em Interlagos

Na nossa tabela de classificação ajustada, Michael Schumacher é quem lidera com 249 pontos, seguido por Lewis Hamilton (193 pontos). O atual campeão mundial Max Verstappen é o 10º com 97 pontos.

PUBLICIDADE

Verstappen é o segundo, no entanto, quando se trata de pontos conquistados por corrida, com apenas Sir Jackie Stewart à sua frente. O escocês, porém, correu apenas uma vez em Interlagos, enquanto Verstappen disputou o Grande Prêmio sete vezes.

Vencedores e pódios

Schumacher detém o recorde de mais vitórias (4) em Interlagos, com Hamilton e Sebastian Vettel atrás dele, com três cada. O trio brasileiro formado por Emerson Fittipaldi, Ayrton Senna e Felipe Massa venceu duas vezes em Interlagos. Tricampeão mundial antecipadamente este ano, Verstappen pode igualar a contagem dos brasileiros se vencer no domingo.

No que diz respeito à porcentagem de vitórias, René Arnoux lidera, tendo vencido uma das duas corridas que disputou em São Paulo. Senna e Montoya estão empatados em segundo lugar, tendo vencido duas vezes em cinco tentativas.

Fernando Alonso, Kimi Raikkonen e Hamilton estão empatados com o maior número de segundos lugares, com três cada. Alonso detém o recorde de maior número de terceiros lugares, tendo terminado nessa posição cinco vezes em 19 corridas.

PUBLICIDADE

Schumacher tem o maior número de pódios (10) em Interlagos, seguido por Alonso (8) e Raikkonen e Hamilton (7 cada).

Jackie Stewart tem o melhor percentual de pódio, tendo terminado em segundo lugar em sua única corrida em Interlagos. Senna lidera em múltiplas corridas, tendo terminado no pódio em 60% das corridas em Interlagos.

Conversão de pole positions em vitórias

Em 39 Grandes Prêmios em Interlagos, o piloto que saiu na frente no grid de largada venceu 16 vezes – o que equivale a uma conversão de 41,025%. A história mostra que largar em primeiro em Interlagos não é tão relevante para a vitória como em outros circuitos da Fórmula 1, afinal, 26 vencedores não conseguiram a pole (58,97%).

Mas nos últimos dez anos isso tem mudado um pouco: o pole position ganhou seis vezes e não ganhou quatro vezes – o que equivale a uma taxa de conversão de 60%.

PUBLICIDADE

Seis pilotos (Fittipaldi, Jacques Villeneuve, Nico Rosberg, Jacques Laffite, Nigel Mansell e Verstappen) têm um recorde de conversão de 100%. Deles, apenas Rosberg fez isso mais de uma vez, tendo convertido suas pole positions em 2014 e 2015 em vitórias.