Home Tênis Bia Haddad não resiste e perde na estreia do WTA 1000 de Doha para chinesa

Bia Haddad não resiste e perde na estreia do WTA 1000 de Doha para chinesa

Tenista brasileira vinha de boa semana em Abu Dhabi onde chegou na semifinal

Carlos Lemes Jr
Olá! Sou Carlos Lemes Jr e sou Jornalista formado, desde 2012, e no Torcedores, desde 2015. Matérias exclusivas pelo site publicadas nos portais IG, MSN e UOL. Escrevo sobre: futebol, mídia esportiva, tênis e basquete. Acredito que o esporte seja uma ótima ferramenta de inclusão, pois, sou cadeirante. Então, creio que uma das minhas "missões" aqui no Torcedores seja cobrir esporte paralímpico. Hobbies: ler, escrever e escutar música.
Bia Haddad também chegou as semifinais nas duplas em Abu Dhabi, mas se retirou da disputa onde era parceira de Luisa Stefani

Bia fez bela campanha em Abu Dhabi (Divulgação/Mubadala Open)

PUBLICIDADE

Durou pouco a campanha de Bia Haddad no WTA 1000 de Doha no Catar. A agora, nº14 do ranking mundial, foi superada pela chinesa Xinyu Wang que marcou 2 sets a 0 (parciais de 6/1 e 6/3) em 1h09 de jogo. A partida foi válida pela rodada inicial do torneio.

Segundo dados do site da WTA, Wang ganhou seus pontos com o 1º saque em 88,5% das oportunidades contra 56,3% da brasileira. Outro número oficial que pode ajudar a explicar o baixo rendimento de Bia são os 37,5% dos pontos ganhos com o segundo serviço contra os 64,7% da asiática.

Tenista brasileira vinha de boa campanha em Abu Dhabi

Fato é que Haddad Maia chegou para o WTA 1000, após boa campanha na disputa da série 500 em Abu Dhabi. Lá, ela só parou nas semifinais diante da russa Daria Kasatkina em duelo com cerca de 3h de duração. Neste torneio, a canhota conseguiu defender toda sua pontuação de 2023.

PUBLICIDADE

Bia disputa mais um WTA 1000 em Dubai

A tenista de 27 anos tem uma última parada no Oriente Médio, nesta parte do calendário: o WTA 1000 de Dubai, também em quadras rápidas, a partir do próximo dia 19 de fevereiro.