Home Futebol Gustavo Henrique e até Pelé: conheça “goleiros dos minutos finais”

Gustavo Henrique e até Pelé: conheça “goleiros dos minutos finais”

Zagueiro defendeu a meta do Corinthians nos minutos finais do Dérbi e foi salvo por Raniele; confira a lista

Vinicius Criscuolo Redaelli
Sou um jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero com experiência na cobertura esportiva como repórter para sites e na mídia televisiva para a TV+ABC, veículo mais tradicional da região paulista.
Gustavo Henrique, do Corinthians, atuando como goleiro

Gustavo Henrique passou "ileso" como goleiro pelo Corinthians (Foto: Léo Sguaçabia/Ag. Paulistão)

Torcedores que olharam para o gol do Corinthians nos minutos finais do clássico contra o Palmeiras, pelo Paulistão, viram um desesperado Gustavo Henrique vestindo a camisa do expulso Cássio a fim de proteger a meta alvinegra e tentar não sofrer o terceiro gol do alviverde na partida, que naquela altura, vencia o clássico por 2 a 1.

PUBLICIDADE

Após o empate do Timão, em cobrança de falta de Rodrigo Garro, o Verdão teve a chance de fazer o terceiro gol e garantir a vitória no Dérbi: depois de uma bola rebatida na grande área, Gustavo Henrique conseguiu amortecer a finalização desviada por Murilo, mas ia falhando de forma bizarra. Contudo, Raniele cortou o lance em cima da linha e definiu o empate.

O atleta, recém-contratado pelo Corinthians ao deixar o Real Valladolid, realizou apenas sua segunda partida pelo clube do Parque São Jorge.

PUBLICIDADE

Assim, se junta a uma seleta lista de jogadores que atuaram como goleiros que inclui até o Rei Pelé. Confira:

Além de Gustavo Henrique: jogadores de linha que atuaram como goleiros

Harry Kane

Conhecido por ser um grande centroavante e marcar gols, o atacante inglês teve que viver a inversão de papéis em 2014, durante partida da UEFA Europa League, defendendo o Tottenham. Na ocasião, ele havia marcado um hat-trick contra o Asteras Tripolis, da Grécia. Com a expulsão de Lloris nos minutos finais, Kane vestiu as luvas e foi para a função de goleiro.

Ao contrário de Gustavo Henrique, a falha de Harry Kane acabou resultando em gol. A partida terminou com uma goleada dos Spurs por 5 a 1.

Felipe Melo

Gustavo Henrique viveu momentos de aflição como goleiro, incluindo a montagem da barreira para dificultar a finalização de Piquerez. No entanto, Felipe Melo teve um desafio ainda maior: em 2012, o jogador assumiu a vaga de de Muslera nos minutos finais e defendeu um pênalti contra o Elazigspor.

PUBLICIDADE

Foi neste lance que surgiu a comemoração de pitbull do volante e zagueiro brasileiro. Ele garantiu a vitória de sua equipe por 1 a 0.

O Rei Pelé já foi goleiro

Até o maior jogador da história do futebol teve que viver momentos de goleiro. Em 1959, o Santos venceu o Comercial por 4 a 2. Ainda jovem, o Rei marcou o primeiro gol da equipe da Vila Belmiro.

Na ocasião, o goleiro santista era Lalá, que chegou ao clube naquele ano e ficaria no Peixe até 1962. Por conta de uma contusão do arqueiro, Pelé foi para o gol quando o time vencia por uma de apenas um gol: 3 a 2.

Do gol de defesa, Pelé viu Dorval, ampliar o marcador para o Peixe aos 40 minutos da segunda etapa e dar números finais ao jogo.

PUBLICIDADE

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial