Home Futebol Jogador do Inter Miami fala sobre convivência com Messi e exalta: “Tímido e o melhor de todos os tempos”

Jogador do Inter Miami fala sobre convivência com Messi e exalta: “Tímido e o melhor de todos os tempos”

Meio-campista Julian Gressel falou em entrevista para canal argentino sobre a relação com o craque argentino no time norte-americano

William Nunes
Colaborador do Torcedores
Messi em campo pelo Inter Miami pela MLS

Messi em campo pelo Inter Miami pela MLS (IMAGO/USA TODAY Network)

O astro Lionel Messi mudou a MLS, a liga norte-americana de futebol, após assinar com o Inter Miami na metade do ano passado. Desde sua chegada, a competição se tornou mais famosa do que jamais foi e, para completar, ainda receber os reforços de Luis Suárez, Sergio Busquets e Jordi Alba recentemente.

PUBLICIDADE

Nesta semana, durante entrevista para o canal argentino “TyC Sports”, o meio-campista norte-americano Julian Gressel, colega de Messi, falou sobre a relação dos jogadores ex-Barcelona contra seus companheiros:

“Claro que são bons amigos, todos sabemos disso. É por isso que é completamente normal que eles estejam um pouco mais ligados. Atingiram muita coisa juntos e as suas famílias também se dão bem”, falou ele, ainda acrescentando:

PUBLICIDADE

“É por isso que eles trabalham, como é natural, num grupo de quatro, mas foram bem integrados, levam a equipe toda com eles e fazem muitas piadas. Já tivemos festas de churrasco juntos e a nossa estrutura de equipe é igual a qualquer outra que já tenha integrado”, completou.

Julian Grassel ainda falou sobre Lionel Messi no Inter Miami

Ainda na mesma entrevista, o meio-campista do Inter Miami detalhou a convivência com Lionel Messi na MLS, relatando seu primeiro encontro com o craque:

“A primeira vez que o vi foi no vestiário. Eu cheguei, disse bom dia e apresentei-me, disse que me chamava Julian. Ele disse: ‘Sou o Leo’ de uma forma que encaixou perfeitamente. É um rapaz normal, tímido, que não fala muito. Mas jogar com ele é coisa de louco”, falou o jogador, ainda afirmando que Messi é o melhor do mundo:

“Tem oito Bolas de Ouro e, para mim, é o melhor jogador de todos os tempos. É por isso que ele tem um status especial, o que é completamente normal, mas enquanto colega de equipe é uma pessoa normal e bastante acessível, que se preocupa com a família”, concluiu.

PUBLICIDADE