Home Futebol Sousa-PB surpreende, vence o Cruzeiro e avança na Copa do Brasil

Sousa-PB surpreende, vence o Cruzeiro e avança na Copa do Brasil

Jogo na Paraíba teve muita chuva, com os donos da casa fazendo história ao eliminarem a Raposa

Guilherme Papa
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo (UMESP). Editor do Torcedores.com desde maio/2022. Contato: [email protected]

Jogadores de Cruzeiro e Sousa-PB disputam bola na Copa do Brasil (Gustavo Aleixo/Cruzeiro)

O Sousa-PB fez história na Copa do Brasil na noite desta quarta-feira (21). Na Paraíba, recebeu o Cruzeiro e venceu por 2×0, avançando na 1ª fase da Copa do Brasil.

PUBLICIDADE

Debaixo de muita chuva, a Raposa começou pressionando, principalmente pelo lado direito, com Wesley Gasolina. O time visitante arriscava mais, porém, sem tomar a direção do gol. Assim, os donos da casa que criaram a primeira grande chance. Leozinho recebeu belo lançamento na área, fez o giro e chutou, com a bola parando na forquilha. Pouco depois, Arthur Gomes respondeu com o arremate de primeira dentro da área, obrigando o goleiro Bruno a defender com o pé.

As condições climáticas não favoreceram o desenvolvimento do embate, deixando o gramado enxarcado e cheio de poças. A vaga parecia ser do Cruzeiro até a reta final da partida, mas o Sousa surpreendeu. Em jogada bela esquerda, o cruzamento surpreendeu o goleiro Rafael Cabral e bateu no travessão. Na sobra, Danilo Bala brigou pela bola e conseguiu o chute para abrir o placar. Nos acréscimos, o jogador acertou um chutaço de longe, no ângulo, para decretar a classificação.

PUBLICIDADE

Com a vitória histórica, a equipe paraibana enfrentará Petrolina, de Pernambuco, ou Cascavel, do Paraná, na 2ª fase da Copa do Brasil. O confronto está previsto para ocorrer na primeira quinzena de março.

Buscando se reerguer após a eliminação precoce, o Cruzeiro volta a campo no domingo (25), às 11h, quando visita o Pouso Alegre, pelo Campeonato Mineiro. A Raposa lidera o Grupo A da competição com 13 pontos, um a mais que o vice de sua chave, o Tombense.