Home Tênis Bia Haddad conhece chave no Masters 1000 de Miami

Bia Haddad conhece chave no Masters 1000 de Miami

Brasileira entra direto na segunda rodada no torneio da Flórida e joga somente na sexta-feira (22); homens jogam e iniciam a disputa nesta segunda (18)

Carlos Lemes Jr
Olá! Sou Carlos Lemes Jr e sou Jornalista formado, desde 2012, e no Torcedores, desde 2015. Matérias exclusivas pelo site publicadas nos portais IG, MSN e UOL. Escrevo sobre: futebol, mídia esportiva, tênis e basquete. Acredito que o esporte seja uma ótima ferramenta de inclusão, pois, sou cadeirante. Então, creio que uma das minhas "missões" aqui no Torcedores seja cobrir esporte paralímpico. Hobbies: ler, escrever e escutar música.
Bia Haddad já enfrentou tanto Jacqueline Cristian e Diana Perry

Bia Haddad em San Diego (Sean M. Haffey/Getty Images)

A organização do Masters 1000 de Miami de tênis realizou no último domingo, 17 de março, o sorteio das chaves feminina e masculina. Sendo assim, a brasileira Bia Haddad descobriu sua chave na disputa.

PUBLICIDADE

Bia vai entrar direto na segunda rodada como cabeça de chave nº 12 e estreia contra a francesa Diane Parry que venceu Jacqueline Cristian da Romênia por 2 sets a 0. O jogo está previsto para acontecer na próxima sexta-feira, 22 de março, em horário ainda ser divulgado.

No caminho, Haddad Maia pode encontrar a britânica Katie Boutler, a chinesa Qinwen Zheng, sétima cabeça de chave, e a bielorrussa Victoria Azarenka, 27ª pré-inscrita.

PUBLICIDADE

Bia parou na segunda rodada em Indian Wells

A folga no calendário pode servir para a tenista de 27 anos assimilar o começo irregular na temporada. Bia Haddad foi eliminada nas estreias em Doha, Dubai e San Diego. A brasileira só foi voltar a vencer em Indian Wells e perdeu para a russa Anastasia Pavlyuchenkova na terceira rodada.

Homens já estreiam nesta segunda no qualificatório

Os três brasileiros que sonham em disputar o Masters 1000 de Miami conheceram seus primeiros adversários e a possível rota que poderá os levar à chave principal de um dos mais tradicionais torneios do circuito internacional.

Cada um terá de ganhar duas partidas para isso e todos já jogam nesta segunda-feira, 18 de março, sempre por volta das 14h (de Brasília).

Thiago Wild bateu na porta da chave principal, ficou apenas duas vagas de fora e ao menos sairá como cabeça 1 do quali.

PUBLICIDADE

Sua primeira barreira será o experiente bósnio Damir Dzumhur, ex-23º e hoje 155º, e, se mantiver o favoritismo, decidirá a vaga contra o bom sacador Thanasi Kokkinakis ou o francês Hugo Grenier.

O canhoto Monteiro por sua vez saiu como cabeça 20 e enfrentará também de forma inédita o australiano Adam Walton, 150º aos 24 anos.

O brasileiro já jogou Miami três outras vezes e no ano passado chegou na segunda rodada. Quem vencer, fará a partida decisiva contra o espanhol Pedro Martinez ou o convidado belga Alexander Blockx.

Já Felipe Meligeni tem adversários teoricamente mais duros. Começa diante do versátil belga Zizou Bergs, cabeça 24, e no seu setor ficou o cabeça 9 Aleksandar Kovacevic que é amplo favorito diante do compatriota Patrick Kypson. 

PUBLICIDADE