Home Futebol Benja questiona acusação de John Textor no caso Botafogo x Palmeiras

Benja questiona acusação de John Textor no caso Botafogo x Palmeiras

Comentarista esportivo criticou novo anúncio do empresário americano sobre provas de corrupção

Beatriz Ojeda
Ex-atleta, formada em Letras e apaixonada por esportes desde sempre. Colaboradora do Torcedores por ser o melhor lugar para aliar as duas grandes paixões.
John Textor

John Textor no estádio Nilton Santos em 2022 (Foto: Vítor Silva/Botafogo)

Recentemente, John Textor comunicou através das suas redes sociais que teria provas de corrupção na arbitragem brasileira. Questionado pela CBF, apontou que tinha áudios de juízes de divisões menores. Entretanto, na segunda-feira (01), o empresário americano dono da SAF do Botafogo apontou ter provas do Palmeiras influir em resultados há duas temporadas, Benja se posicionou.

PUBLICIDADE

Benja critica novas declarações de John Textor contra o Palmeiras

Não há dúvidas no mundo do futebol de que o Botafogo ficou na bronca após perder o Brasileirão 2023. Frequentemente crítico de arbitragem, o presidente do Glorioso já se posicionou algumas vezes sobre injustiças com o seu clube.

O empresário americano se manifestou ao Canal Medeiros afirmando: “Temos provas pesadas, 100% confirmadas de que o Palmeiras vem sendo beneficiado por manipulação de resultados por pelo menos duas temporadas. Desculpe se isso vai criar barulho, mas tenho provas, vou mandar aos procuradores”. O presidente afirma que gostaria de deisar o STJD fora da decisão, e o caso ser julgado na Justiça Comum.

PUBLICIDADE

Através da sua conta no X, antigo Twitter, o jornalista esportivo Benjamin Back ou Benja, repostou uma publicação do Globo Esporte com a citação de John Textor. No texto da mídia esportiva também se encontra o fato do presidente do Botafogo ainda não ter apresentado provas. Para o jornalista, a situação é clara e escreveu: “O Botafogo vencia o Palmeiras em casa por 3 x 0, teve um pênalti a favor e acabou tomando uma virada humilhante! Dito isso, depois de falar algo tão grave assim, se ele não provar essa acusação, a coisa vai ficar feia para ele”.

O Palmeiras, por sua vez, apresentou um comunicado afirmando: “O Palmeiras vem adotando todas as medidas jurídicas cabíveis contra o dono da SAF do Botafogo, John Textor, e não pretende se manifestar novamente sobre a bizarra tentativa do caricato cartola de justificar a perda do título brasileiro de 2023. Confirmamos que as autoridades competentes tomarão as providências necessárias com a urgência que o tema exige”.