Home Futebol Flamengo assume riscos na Copa Libertadores e agora tem que fazer contas

Flamengo assume riscos na Copa Libertadores e agora tem que fazer contas

Rubro-Negro toma revés na competição continental, perde invencibilidade e precisará analisar resultados

Beatriz Ojeda
Ex-atleta, formada em Letras e apaixonada por esportes desde sempre. Colaboradora do Torcedores por ser o melhor lugar para aliar as duas grandes paixões.
Igor Jesus,

Igor Jesus em disputa de bola contra o Bolívar (Créditos: Marcelo Cortes/ Flamengo)

Entre os objetivos do Flamengo na Libertadores, além da classificação, estava tentar a melhor classificação que permitiria definir os mata-mata da competição como mandante. Entretanto, a derrota por 2 a 1 contra o Bolívar na quarta-feira (24) complicou o Rubro-Negro e fez com que o time recebesse críticas dos seus torcedores.

PUBLICIDADE

Derrota do Flamengo complica classificação na Libertadores

Até o momento, após três rodadas no torneio continental, o Rubro-Negro conseguiu apenas 4 pontos, fruto de uma vitória, um empate e uma derrota. A derrota contra o Bolívar em La Paz fez com que o Rubro-Negro perdesse uma invencibilidade de 23 partidas em 2024 e recebeu críticas dos torcedores.

Para a partida, Tite escalou um time modificado visando a partida na altitude de 3.600 metros, mas não funcionou. O time boliviano abriu o placar com apenas 2 minutos de jogo e teve empate com Matías Viña aos 5 minutos, mas o time não administrou o empate na altitude e foi derrotado de virada com gol de Bruno Sávio aos 62 minutos.

PUBLICIDADE

Atualmente, o Bolívar está na liderança do Grupo E com nove pontos, com o Flamengo na segunda colocação. Entretanto, se nesta quinta-feira (25) o Millionarios vencer o Palestino por dois gols de diferença, o time colombiano assumirá a vaga da classificação deixando o Rubro-Negro como terceiro.

Entre as principais críticas dos torcedores está a estratégia tática do time. Para a partida, Tite poupou Arrascaeta, Erick Pulgar, Ayrton Lucas e Varela, que não viajaram para a Bolívia. Por outro lado, Luiz Araújo iniciou no banco de reserva e teve como desfalques Léo Pereira e Cebolinha. Porém, para a torcida, o esquema de três zagueiros foi duramente questionado, principalmente com David Luiz atuando como líbero.

Além da derrota que pode complicar a classificação do Flamengo e que dificilmente permitirá a melhor campanha na Libertadores, é a primeira vez em 2024 que o Rubro-Negro cede dois gols na mesma partida. Por outro lado, os números da partida também mostram 15 finalizações, mas raras chances reais de gol, preocupando a torcida.