Home Futebol Flávio Prado prevê pênaltis para Palmeiras x Santos e crava ampeão

Flávio Prado prevê pênaltis para Palmeiras x Santos e crava ampeão

Jornalista não fica em cima do muro e projeta cenário do segundo e decisivo jogo da final do Paulistão

Eder Bahúte
Jornalista diplomado. Apaixonado por radiojornalismo e esportes em geral. Especialista em nada, mas dá pitaco em tudo. Leitura de biografias, games e séries. Contato: [email protected]
Flávio Prado

João Schmidt e Endrick em disputa no domingo passado - Divulgação/Palmeiras

Palmeiras e Santos se enfrentam no próximo domingo (7), às 18h (de Brasília), no Allianz Parque, pela segunda partida da final do Paulistão. Derrotado na semana passada por 1 a 0, o Verdão agora espera reverter a vantagem do rival em sua casa como já fez nas duas últimas edições. É o que acredita o jornalista Flávio Prado.

PUBLICIDADE

Durante o programa ‘Canelada‘, da Rádio Jovem Pan, o profissional afirma que o Peixe perdeu uma grande oportunidade de fazer dois ou mais gols na Vila, uma vez que foi muito melhor em campo, mas não conseguiu abrir uma diferença maior na série.

Neste cenário, Flávio Prado imagina que o Palmeiras conseguirá o terceiro título paulista consecutivo. Seja no tempo normal ou até mesmo nos pênaltis o jornalista prevê o Verdão saindo campeão.

PUBLICIDADE

“O Palmeiras escapou de perder o campeonato no domingo passado. O Santos foi melhor quase o jogo todo, poderia pelo menos ter aberto dois gols de vantagem, mas não saiu. E aí, amigo…quando você tem um Palmeiras pela frente, você tem chance de resolver as coisas e não resolve fica difícil”.

“Em casa, a pressão que o Palmeiras coloca, a moral que ele está eu acho que ele vai passar pelo Santos. Ele vai conseguir esses dois gols e ficar com o título. Na pior das hipóteses vai para os pênaltis e para a supresa geral vai ganhar nos pênaltis. Acho o Palmeiras favorito ao título”, acrescentou Flávio.

Flávio Prado fala sobre jogadores poupados

Com uma equipe reserva, o Palmeiras empatou com o San Lorenzo em 1 a 1, na Argentina, pela primeira rodada da fase de grupos da Libertadores da América. Por conta do desgaste físico que poderia causar, viagem e tudo mais, Abel Ferreira decidiu deixar no Brasil seus principais jogadores.

“Felizmente demos uma boa resposta, demos ritmo a esses jogadores, queríamos mais opções. Último jogo que tivemos em casa tivemos jogadores machucados e teremos agora uma grande final, convoco nossos torcedores”, declarou o técnico.

PUBLICIDADE