Home Futebol Pelé foi goleiro em quatro oportunidades e nunca foi vazado

Pelé foi goleiro em quatro oportunidades e nunca foi vazado

No Dia Do Goleiro, relembramos quatro situações em que o Rei foi para o gol e não decepcionou

Mateus Pereira
Colaborador do Torcedores.com desde 2022, nasci no estado do Rio de Janeiro e alinho minha maior paixão à minha vocação através da produção de conteúdo sobre esportes. Entre as minhas áreas de maior domínio e experiência profissional estão o futebol, o automobilismo e o universo geek. Certificado como Jornalista Digital e Social Media pela Academia do Jornalista, contribui no passado como Colunista, Editor-chefe e Líder da editoria de Esportes nos portais R7 Lorena e iG In Magazine.
Pelé goleiro, futebol

Pelé atuou como goleiro em quatro ocasiões (Reprodução / Museu do Futebol)

Em relação ao talento de Pelé com os pés, temos um ponto que não pode ser questionado. No entanto, houveram em sua carreira profissional quatro ocasiões em que o atacante foi para baixo das traves.

PUBLICIDADE

No Dia Do Goleiro, vale destacar que o Rei do Futebol demonstrou habilidade em campo até mesmo com as luvas, não sofrendo sequer um gol durante as quatro partidas. Confira abaixo, segundo pesquisa do ge, mais detalhes destes momentos icônicos na história do futebol brasileiro.

Pelé foi elogiado em “estreia” no gol

A primeira ocasião do Rei como goleiro foi ainda jovem, apenas um ano depois de conquistar seu primeiro título mundial. No dia dia 4 de novembro de 1959, o Santos venceu o Comercial pelo Campeonato Paulista por 4 a 2 e Pelé assumiu a meta após o goleiro Lalá reclamar de dores na cabeça.

PUBLICIDADE

Acostumado a “brincar” no gol durante os treinos, o atacante se saiu muito bem e foi elogiado pelos jornais no dia seguinte à partida em São Paulo.

O jogo mais importante de Pelé como goleiro

Alguns anos depois, no início de 1964, Santos e Grêmio se enfretavam pela semifinal da Taça Brasil de 1963, que invadiu o calendário aquele ano. Após vencer o jogo de ida por 3 a 1, o Peixe mandou o jogo de volta no Pacaembu lotado e venceu por 4 a 3.

No entanto, a seis minutos do fim, o goleiro Gilmar foi expulso por reclamar da arbitragem, fazendo com que o Pelé voltasse a atuar como goleiro nos minutos finais da partida. O placar, claro, seguiu inalterado com o Rei no gol.

Pelé, Santos 4 x 3 Grêmio, 1963
Pelé foi para o gol contra o Grêmio (Reprodução / A Tribuna)

Amistoso na Paraíba teve o Rei debaixo das traves

Já em 1969, cerca de um ano antes de se sagrar tricampeão mundial pela Seleção Brasileira, Pelé esteve com o Santos na Paraíba para um amistoso contra o Botafogo-PB, onde o Rei recebeu diversas homenagens como ídolo nacional. Na época, ele já buscava seu milésimo gol e acumulava, segundo suas contas, 998.

PUBLICIDADE

Em campo, o então atual campeão paraibano não conseguiu segurar o Peixe e perdeu por 3 a 0, com direito a um gol de Pelé para levantar a torcida local. No entanto, não foi nesse dia que o atacante marcou o antológico gol, chegando a ir para debaixo das traves aos 37 minutos do segundo tempo, quando o goleiro Jair Estevão alegou contusão e saiu da partida.

Despedia como artilheiro e goleiro em 1973

Ídolo por todo o mundo, Pelé passou os últimos meses de sua carreira como jogador de futebol rodando o mundo com excursões junto ao lendário “Santos de Pelé”.

No dia 19 de junho de 1973, o Rei encerrou sua tão gloriosa contribuição ao esporte em um amistoso conta o Baltimore Bays, nos Estados Unidos. Na ocasião, Pelé marcou seu último gol e decidiu encerrar também sua curta “carreira” debaixo das traves.

Pelé, Santos 4 x 0 Baltimore Bays, 1973
Pelé encerrou sua carreira atuando como goleiro (Reprodução / A Tribuna)

Em uma partida pra lá de histórica, Pelé chegou a marcar um dos quatro gols da vitória sobre o clube estadunidense de maneira única em sua carreira: direto da marca de escanteio. Aos 36 minutos do segundo tempo, o goleiro santista Claudio sentiu o joelho, dando ao Rei do Futebol a oportunidade de terminar seu último jogo de maneira inusitada, com a quarta e última aparição dele como arqueiro.

PUBLICIDADE