Home Futebol Tiquinho Soares desfalca o Botafogo contra o Flamengo pelo Brasileirão Série A

Tiquinho Soares desfalca o Botafogo contra o Flamengo pelo Brasileirão Série A

Atacante deixou o campo ainda no início do último jogo e não estará em campo contra o rival rubro-negro

Mateus Pereira
Colaborador do Torcedores.com desde 2022, nasci no estado do Rio de Janeiro e alinho minha maior paixão à minha vocação através da produção de conteúdo sobre esportes. Entre as minhas áreas de maior domínio e experiência profissional estão o futebol, o automobilismo e o universo geek. Certificado como Jornalista Digital e Social Media pela Academia do Jornalista, contribui no passado como Colunista, Editor-chefe e Líder da editoria de Esportes nos portais R7 Lorena e iG In Magazine.
Tiquinho Soares, Botafogo, Libertadores

Tiquinho Soares, pelo Botafogo (Reprodução / Vitor Silva - Botafogo)

O Botafogo conquistou uma vitória importante pela Libertadores na última quarta-feira (24). O clube carioca venceu em casa o Universitario, do Peru, por 3 a 1, um resultado que trouxe esperanças ao seu torcedor para a segunda parte da fase de grupos da competição.

PUBLICIDADE

No entanto, nem tudo são flores para o alvinegro, visto que seu principal atacante de ofício, Tiquinho Soares, saiu lesionado de campo antes mesmo dos dez primeiros minutos de jogo. Segundo informações do ge, o jogador de 33 anos sofreu uma lesão no músculo posterior da coxa direita e um exame de imagem ainda detalhará melhor a gravidade da situação.

De qualquer forma, Tiquinho é um desfalque confirmado para o clássico contra o Flamengo, no próximo domingo (28). A partida é válida pela quarta rodada do Brasileirão Série A e o Botafogo visitará o rival no Maracanã, às 11h da manhã.

PUBLICIDADE

Desfalques são problemas para o Botafogo

A lesão aumenta a dor de cabeça do treinador Artur Jorge, visto que o alvinegro também não poderá contar com Matheus Nascimento para a posição, também por conta de lesão.

Pela Libertadores, a solução do técnico português foi colocar Eduardo, meia de origem, para atuar como uma espécie de segundo atacante, enquanto Júnior Santos, que geralmente atua nessa função, cobriu a lacuna de Tiquinho em campo.

Com a janela de transferências fechada, a única alternativa para o Fogão será encontrar soluções dentro do próprio elenco, justamente diante de um dos adversários mais difíceis no Campeonato Brasileiro.

PUBLICIDADE