Home Futebol Casagrande elege lateral diferenciado no futebol brasileiro: “Acima da média” 

Casagrande elege lateral diferenciado no futebol brasileiro: “Acima da média” 

Comentarista vê grande potencial em jogador surgido no Nordeste e que já começa a despertar o interesse de times do exterior

Marcel Rauen
Marcel Rauen é um jornalista formado na Universidade Estadual de Londrina (UEL) que atua na área esportiva há cerca de 15 anos. É fã e praticante de esportes em geral, mas principalmente de futebol. Escreve no Torcedores desde 2015 sobre o dia a dia dos clubes brasileiros e sobre a mídia esportiva
casagrande

Casagrande é ex-jogador e colunista do UOL Esporte (Reprodução/YouTube)

Uma das posições mais carentes do futebol brasileiro para oferecer atletas à seleção é a lateral direita. Os últimos treinadores sempre tiveram dificuldade para chamar nomes incontestáveis, mas para Casagrande essa situação pode mudar em breve com um garoto “acima da média” que começa a surgir com força no Nordeste.

PUBLICIDADE

Pedro Lima, de 17 anos, é uma das maiores revelações do Sport nos últimos anos e, segundo o comentarista esportivo, tem boas chances de assumir uma das vagas do time de Dorival até mesmo para a Copa do Mundo de 2026.

“Ele é um jogador muito talentoso, com uma força ofensiva incrível, criador de jogadas por dentro, bate forte na bola, com muito bom posicionamento. Realmente ele é acima da média para uma posição carente no futebol brasileiro”, exaltou Casagrande em sua coluna no UOL Esporte.

PUBLICIDADE

“Não tenho dúvida de que o Dorival Jr. e sua equipe já estão observando muito de perto o Pedro Lima, porque, dentro da renovação da nova seleção brasileira, esta Copa América ou a Copa do Mundo de 2026 talvez seja a última do lateral/zagueiro Danilo, e as vagas para a lateral direita estarão abertas”, completou o comentarista.

Elogiado por Casagrande, Pedro Lima já recebe sondagens do exterior

Em entrevista recente ao Podcast Embolada, João Marcelo Barros, membro do comitê gestor do Leão, revelou que o Sport já vem negociando com equipes do exterior e descarta transferência para uma equipe brasileira por causa das altas cifras que serão envolvidas no negócio além do desejo do próprio jogador.

“Existem clubes, no plural, interessados. E Pedro a gente vem conversando com mais de um clube. Mas existem tratativas um pouco mais avançadas com um deles. A gente está fazendo uma avaliação muito criteriosa. Não vejo um clube no Brasil para fazer o investimento que a gente deseja para Pedro, e também não é interesse do próprio atleta”, disse o dirigente do Sport.

“Tem especificamente um clube que a gente avançou bastante em termos de formalização de proposta, o Sport recusou, posso dizer isso, que já foi feita proposta, e existem conversas aí para uma renegociação”, completou.

PUBLICIDADE
18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial