Home Futebol Champions League terá mudanças em 2024/25; veja detalhes

Champions League terá mudanças em 2024/25; veja detalhes

A competição europeia de clubes mais importante do mundo agora conta com 36 times      

Márcio Padula
Jornalista e publicitário. Redator e editor de conteúdos para sites, revistas, jornais, blogs, informativos. Trabalho com mídia impressa, publicidade e assessoria de comunicação há mais de 25 anos. Experiência em jornais, revistas, blogs, atuando na elaboração, redação e editoração de textos, matérias, colunas. Responsável, por 10 anos, por uma editora de revistas customizadas. Mais de cinco anos de experiência em publicidade e desde 2021 editor de conteúdo na empresa Navve (torcedores.com).
Champions League

Símbolo da Champions League no painel do Estádio San Siro- Foto: Marco Luzzani/Getty Images

A edição 2024/25 da Champions League terá um novo formato, e a UEFA se baseou em consultas com a comunidade do futebol europeu.

PUBLICIDADE

A mudança fundamental executada pelo Comitê Executivo da UEFA é o abandono do atual sistema de fase de grupos da Champions League, com 32 participantes divididos em oito grupos.

Na temporada 2024/25, serão 36 clubes na nova ‘fase de grupos’ da competição, assim são mais quatro times que terão a oportunidade de competir entre os melhores da Europa.

PUBLICIDADE

No novo formato, os times disputarão oito jogos na nova fase da Champions, e não será o confronto entre três adversários duas vezes – em casa e fora – e, ao invés, serão oito oponentes diferentes, disputando metade dos jogos em casa e a outra metade fora.

Para determinar os oito adversários, os times serão divididos inicialmente em quatro potes. Posteriormente, cada equipe será sorteada para enfrentar dois adversários de cada um desses potes, disputando um jogo em casa e outro fora.

Como serão distribuídas as quatro vagas adicionais na Champions League?

Portanto, essas quatro vagas adicionais na Champions League serão abertas e dependerão da posição final de um clube no campeonato nacional, combinada com a posição de cada país no ranking de coeficiente de clubes das federações nacionais.

Assim, a primeira vaga será atribuída ao clube que terminar no terceiro lugar do campeonato do país classificado na quinta posição na lista de acesso.

PUBLICIDADE

A segunda vaga vai para um campeão nacional, passando de quatro para cinco o número de clubes.

A terceira e quarta vagas serão destinadas às federações com o melhor desempenho coletivo de seus clubes na temporada anterior, ou seja, o coeficiente de clubes da federação, que se baseia no número total de pontos para o ranking de coeficiente de clubes.

Os resultados de cada jogo decidirão a classificação geral na nova liga, continuando a aplicar-se três pontos por vitória e um por empate.

Aí, as oito melhores equipes da Champions se classificam automaticamente para as oitavas, enquanto aquelas que terminarem entre o 9º e o 24º lugares vão disputar um play-off.

PUBLICIDADE

Depois, os times que terminaram entre o 9º e o 16º lugares serão cabeças de chave no sorteio do play-off, o que significa que enfrentarão um time classificado entre o 17º e o 24º lugares.

Na sequência, os oito clubes que vencerem pegam nas oitavas, os oito primeiros classificados da Champions.

Depois, das oitavas de final em diante, a competição continuará a seguir o formato existente de eliminatórias, com a final disputada em um local neutro selecionado pela UEFA.

Os jogos seguem a ser disputados no meio da semana, reconhecendo a importância do calendário nacional em toda a Europa, com a final em um sábado.

PUBLICIDADE

UEFA League e Conference League também vão mudar

Haverá também uma mudança de formato semelhante na UEFA Europa League e na Europa Conference League, que será chamada de UEFA Conference League a partir de 2024/25.

Assim, os jogos da Champions League e da Europa League serão disputados entre setembro e janeiro, enquanto os jogos da Europa Conference League serão disputados entre setembro e dezembro.

O novo formato envolve mais times em cada competição, permitindo aos torcedores, não só assistir mais jogos importantes, mas também ver esses jogos acontecerem mais cedo na competição.

O novo formato deve introduzir um melhor equilíbrio competitivo entre todas as equipes, com a possibilidade de cada uma enfrentar adversários de nível competitivo semelhante ao longo da fase da liga.

PUBLICIDADE

A Champions League vem mudando ao longo dos anos

A cronologia da Champions League e da Europa League mostra nos detalhes que as competições evoluíram, desde a origem da Taça dos Clubes Campeões Europeus, em 1955, até a Taça UEFA, e mais recentemente, aos formatos das competições de clubes da UEFA.