Home Torcedoras Corinthians faz virada heroica em casa contra o SPFC no Brasileirão

Corinthians faz virada heroica em casa contra o SPFC no Brasileirão

No clássico Majestoso do futebol feminino, o Timão quase teve invencibilidade quebrada pela primeira vez no campeonato, mas se mantém na liderança

Rogério Guimarães
Geógrafo de formação, trabalho com edição e conteúdo textual desde 2008, quando ingressei no universo dos materiais da área educacional. No segmento editorial, já publiquei conteúdo que vão de manual de máquinas a livros de poesia. Sou aficionado por notícias e tudo que esteja ligado ao conhecimento.

Corinthians X São Paulo se enfrentaram neste domingo pela décima rodada do Brasileirão Feminino com virada espetacular do Timão nos acréscimos sobre o São Paulo por 3 X 2 neste domingo de Dia das Mães.

PUBLICIDADE

A partida começou agitada, com boas movimentações bem equilibradas das equipes, mas não demorou para o São Paulo mostrar maior volume de jogo em busca de abrir o placar logo no início. Logo aos dois minutos, Ana Alice tentou finalizar, mas sem causar grande perigo. Na sequência, Aline Milene bateu cruzado de fora da área, mas a bola passou à esquerda de Kemelli.

O Corinthians percebeu que não poderia deixar o rival crescer em jogo dentro de casa e aos poucos aumentou sua participação na partida. Juliana Ferreira iniciou a retomada com chute em direção ao gol, mas foi a atacante Jheniffer que mostrou a força do time da casa ao marcar um golaço após receber bola açucarada de Tamires e abrir o placar na Neo Química Arena no Dia das Mães.

PUBLICIDADE

A partir do gol, as Brabas conseguiram impedir praticamente todas as investidas do São Paulo ao fechar bem a marcação no meio de campo e buscar a marcação.

E não foi apenas “o fechamento da casinha”: o técnico Lucas Piccinato orientou sua equipe a pressionar o São Paulo, o que resultou em um número de posse de bola e precisão nas bolas em direção ao gol. Jheniffer teve nova chance de marcar aos 39 minutos ao invadir a área pelo meio e driblar as duas zagueiras, mas bateu por cima de Carlinha.

O São Paulo teve um respiro com um contra-ataque pela esquerda que parecia promissor, mas Camilinha demorou, driblou e bateu de longe, sem força e ignorando a atacante Laryh passando pelo meio da área.

PUBLICIDADE

No retorno do segundo tempo, o São Paulo não demorou para equilibrar o placar: logo aos dois minutos, Mariana Santos recebeu cruzamento de Dudinha, cabeceou encobrindo Kemelli e empatou o Majestoso: 1 X 1.

Após o gol, o São Paulo não se intimidou e começou a pressionar fortemente o Corinthians em busca da virada, mas foi o Corinthians que quase marcou aos 13 minutos com bola na trave de Duda Sampaio.

O São Paulo soube se aproveitar do vacilo das Brabas com Bia Menezes fazendo jogada pela esquerda e finalizando fora da área para virar a partida aos 19 minutos no estádio do Corinthians.

PUBLICIDADE

O Corinthians foi para o abafa na tentativa de equilibrar o placar e evitar sua primeira derrota no Brasileirão Feminino. Jheniffer ainda tentou mais uma investida, mas a arbitragem levantou a bandeira e Duda Sampaio bateu para o gol sem dificuldades para Carlinha.

A partida seguiu bastante disputada, com lances de perigo para ambas as equipes, mas o São Paulo conseguiu segurar bem o resultado até os 48 minutos, quando Vic Albuquerque aproveita o bate-rebate para empatar a partida.

Predestinada, coube à meio-campista Vic Albuquerque dar à torcida corintiana o resultado que todos esperavam: após a defesa são-paulina afastar mal a bola da área, Vic não desperdiçou e bateu sem chances para Carlinha. Virada espetacular do Corinthians sobre o São Paulo.

Com o resultado, o Corinthians mantém não apenas a liderança, mas a invencibilidade no campeonato, enquanto o Tricolor segue na quarta posição.