Home Mercado da Bola Time do Brasileirão Série A anuncia Thiago Carpini, ex-SPFC

Time do Brasileirão Série A anuncia Thiago Carpini, ex-SPFC

Técnico foi demitido pelo Tricolor Paulista há praticamente um mês

Guilherme Papa
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo (UMESP). Editor do Torcedores.com anteriormente, agora repórter freelancer. Contato: [email protected]
Thiago Carpini, ex-técnico do SPFC

Carpini comandou o São Paulo por aproximadamente três meses (Hernan Cortez/Getty Images)

O Vitória não perdeu tempo e já possui um novo técnico. Após a demissão de Léo Condé nesta terça-feira (14), o clube anunciou a chegada de Thiago Carpini, ex-São Paulo, nesta quinta (16).

PUBLICIDADE

O treinador deixou o Tricolor Paulista há pouco menos de um mês. Na capital baiana, já comandou seu primeiro treino. O profissional terá alguns dias para treinar junto ao novo elenco antes da estreia oficial. Na próxima quarta (22), o Leão da Barra recebe o Botafogo no jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil.

Carpini ganhou destaque no cenário do futebol nacional em 2023. Se no primeiro semestre levou o Água Santa à final do Paulistão, perdendo para o Palmeiras, no segundo esteve à frente do Juventude na campanha do acesso ao Brasileirão Série A. Em janeiro deste ano, assumiu o são Paulo após a saída de Dorival Júnior rumo à seleção brasileira.

O técnico ganhou moral no Tricolor após quebrar o tabu da equipe diante do Corinthians na Neo Química Arena. Ainda, faturou a Supercopa do Brasil sobre o Palmeiras. Entretanto, o prestígio com os torcedores logo foi caindo por conta das atuações irregulares, além da eliminação nas quartas de final do Paulistão para o Novorizontino.

Zubeldía acumula bons resultados no SPFC ao adotar postura oposta a Carpini

O Vitória certamente esperava uma “mudança de chave” com a chegada de Carpini. A equipe ocupa a incômoda 18ª posição do Brasileirão, com apenas um ponto conquistado em cinco jogos. Após enfrentar o Botafogo, o Leão da Barra deve voltar a campo pela Série A somente no início de junho, por conta da paralisação do campeonato devido as fortes chuvas que assolam o Rio Grande do Sul.

PUBLICIDADE