Home Mercado da Bola Trio revelado no Cruzeiro em negociações na Inglaterra dará reforço milionário ao caixa do clube

Trio revelado no Cruzeiro em negociações na Inglaterra dará reforço milionário ao caixa do clube

Estevão, Fabrício Bruno e Thiago foram negociados pelos seus clubes atuais e renderão valores milionários a Raposa

Beatriz Ojeda
Ex-atleta, formada em Letras e apaixonada por esportes desde sempre. Trabalho como redatora desde 2018, fazendo cobertura de mídia esportiva, futebol, tênis e esportes americanos. Sou colaboradora do Torcedores por ser o melhor lugar para aliar as duas grandes paixões.
Pedro Lourenço

Pedro Lourenço em coletiva de imprensa (Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro)

O Cruzeiro vive nova fase depois da compra da SAF por Pedro Lourenço. O empresário investiu em uma reforma total, visando o retorno da Raposa ao topo do futebol brasileiro, o que inclui as negociações de jóias reveladas pelo clube celeste.

PUBLICIDADE

De acordo com o Globo Esporte. as possíveis transferências de Fabrício Bruno, Thiago e Estêvão a outros clubes podem garantir ao Cruzeiro cerca de R$ 5,5 milhões. Vale destacar que a FIFA garante o mecanismo de solidariedade como compensação de venda para aqueles clubes que formaram atletas.

Os atletas seguem no alvo de clubes da Premier League. Enquanto Estêvão, do Palmeiras, negocia com o Chelsea, Fabrício Bruno, do Flamengo, foi associado ao West Ham e Thiago, ex-Club Brugge, ao Brentford.

PUBLICIDADE

Venda de Thiago garante “bolada” ao Cruzeiro

Thiago teve a sua venda oficialmente comunicada ao Brentford em uma operação de aproximadamente 31 milhões de libras (ou seja, R$ 203 milhões). O Cruzeiro contou com o atleta nas suas categorias de base entre 2018 e 2021 e tem direito a 1,46% da negociação, cerca de R$ 2,9 milhões.

Por outro lado, as negociações de Fabrício Bruno e Estêvão ainda não foram concretizadas, mas são dadas como certas no mercado da bola. Bruno do Flamengo deve ser vendido ao West Ham por 15 milhões de euros (aproximadamente R$ 83 milhões), o que rende 2,2% de participação pelo mecanismo de solidariedade de aproximadamente R$ 1,8 milhão.

Já em relação a Estêvão, Palmeiras e Chelsea se encontram nos detalhes finais para acertar a venda do atacante. Vale destacar que o atleta ficou menos tempo na base celeste. Desta forma, o Cruzeiro receberá apenas 0,34% da negociação, aproximadamente R$ 800 mil dos R$ 250 milhões especulados. O clube palestrino também se beneficiará do acordo envolvendo Estêvão. É previsto queo Palmeiras receba cerca de R$ 100 milhões em bonificações.

Por último, se somar todos os valores dos três atletas formados nas categorias de base, o Cruzeiro receberá aproximadamente R$ 5,5 milhões. Com esse montante, a Raposa deve investir em novas contratações, pois prepara uma reformulação do elenco para a próxima janela de transferências.

PUBLICIDADE
18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial