Home Futebol Zinho destaca negócio milionário no futebol brasileiro: “Absurdo”

Zinho destaca negócio milionário no futebol brasileiro: “Absurdo”

Cifras atingidas em negociação no mercado da bola por time brasileiro chama a atenção do comentarista da ESPN

Marcel Rauen
Marcel Rauen é um jornalista formado na Universidade Estadual de Londrina (UEL) que atua na área esportiva há cerca de 15 anos. É fã e praticante de esportes em geral, mas principalmente de futebol. Escreve no Torcedores desde 2015 sobre o dia a dia dos clubes brasileiros e sobre a mídia esportiva
zinho

Zinho é comentarista dos canais ESPN (Reprodução)

Os clubes brasileiros não têm muito o que fazer em determinadas situações no mercado da bola atual. Qaundo um grande jogador surge no Brasil, ele logo chama a atenção das maiores potências da Europa e é vendido por valores muito altos. Este é o caso do atacante Estêvão, do Palmeiras, em negócio que surpreendeu Zinho.

PUBLICIDADE

O Palmeiras negocia sua novo astro com o Chelsea e as cifras para fechar a venda estão na casa dos 65 milhões de euros (45 milhões fixos e 20 milhões por metas). Seriam nada menos do que R$ 363 milhões na cotação atual.

E, participação no ESPN FC de ontem (21), Zinho demonstrou surpresa pelos valores que os times europeus estão dispostos a pagar pelos jovens sul-americanos, que ainda nem tiveram chance de demonstrarem todo o seu potencial no futebol profissional.

PUBLICIDADE

“Eu particularmente acho até um absurdo porque o cara nem tirou as fraldas ainda. Nem jogou ainda. Como mudaram as coisas. O Estêvão não é titular absoluto do Palmeiras. Ele tem tido mais oportunidades, corresponde, faz bons jogos, mas não é nem o melhor jogador do time. É um bom jogador, um garoto em formação, sendo lapidado como estava também o Endrick, que já está em um nível acima, hoje já na seleção brasileira, mas é muito rápido como estão acontecendo as coisas”, avaliou Zinho.

“E como você vai recusar e conseguir manter uma joia. Eu me coloco no lugar dos dirigentes brasileiros. Quando chega uma proposta dessa e tenta negociar. Os caras estão vibrando por ele (Estêvão) não ter 18 anos. Porque se ele tivesse, iria embora agora. Por um valor desse como vai segurar?”, completou o comentarista da ESPN.

A expectativa é que Estêvão seja negociado nos próximos dias, mas permaneça no elenco do Verdão até o fim da disputa do Mundial de Clubes da Fifa em junho de 2025

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial