Home Futebol Falcão aponta dois times favoritos do futebol internacional: “Dá gosto de ver”

Falcão aponta dois times favoritos do futebol internacional: “Dá gosto de ver”

Ídolo do Internacional e da Roma, o Rei de Roma foi entrevistado por D’Alessandro em seu podcast no YouTube

Marco Maciel
Marco Maciel é jornalista que atua cobrindo futebol brasileiro, com ênfase para o futebol gaúcho com Internacional e Grêmio e para a mídia esportiva. Graduado em jornalismo pela pela PUC-RS, em 2007, está no Torcedores.com desde 2022; passou pela redação e assessoria de imprensa da ALAP (Associação Latino-Americana de Publicidade); edita o site SAMBARIO, voltado para sambas-enredo, desde 2004; e passou a escrever para o site NasPistas.com a partir de 2023.
Paulo Roberto Falcão, ex-jogador

Paulo Roberto Falcão, ex-jogador (Reprodução/YouTube)

Paulo Roberto Falcão participou do podcast no canal DALE TV, do ex-jogador D’Alessandro. O ex-camisa 5 de Internacional, Roma, São Paulo e seleção brasileira foi entrevistado pelo ex-meia argentino.

PUBLICIDADE

Entre outros questionamentos, Falcão respondeu a D’Alessandro sobre quais times que o Rei de Roma gosta de assistir. O primeiro citado foi o Real Madrid, treinado por Carlo Ancelotti, seu amigo e companheiro no clube italiano nos anos 80.

O técnico e comentarista de futebol acompanhou uma série de treinos da equipe merengue no Santiago Bernabéu, durante a preparação para o duelo com o Manchester City pelas quartas-de-final da Uefa Champions League. Falcão acompanhou no estádio o empate em 3 a 3 no jogo de ida em abril, na capital espanhola.

PUBLICIDADE

“Eu nunca tinha visto o City jogar pessoalmente”, contou o ex-meio-campista, que se impressionou com a equipe britânica comandada por Pep Guardiola.

“Vi de perto o City. O Real já tinha visto várias vezes, acompanhei uma semana de treino, mas é um time que também dá gosto de ver porque ele gosta de ter a bola. Não é um time que joga bola longa”, analisou Falcão.

Falcão apontou diferenças entre Ancelotti e Guardiola

O comentarista descreveu a forma que o City de Guardiola atua, através da pressão de seus atacantes sobre os zagueiros. “Ele bota seis na frente da sua área. A defesa se você olhar, o adversário tá 10 metros na linha”, detalhou.

Falcão também comentou o estilo de Ancelotti no Real Madrid, pontuando a ausência da marcação alta por Toni Kross e Luka Modric serem veteranos. Além disso, frisou que a intensidade na pressão da saída de bola adversária atrapalharia os contra-ataques que costuma utilizar, através da velocidade de atacantes como Vinícius Júnior.

PUBLICIDADE
18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial