Home Futebol Benja aponta técnico ideal para a seleção brasileira: “Pra ontem”

Benja aponta técnico ideal para a seleção brasileira: “Pra ontem”

Apresentador critica Dorival Júnior e revela sua preferência para comandar o futebol do Brasil

Eder Bahúte
Eder Bahúte integra o time do Torcedores.com desde 2016. Na cobertura esportiva, atua como redator e tem como foco principal o futebol brasileiro, internacional e mídia esportiva. Diplomado pela Universidade Paulista, o profissional acumula experiência em radiojornalismo e mídia impressa, além de participação em eventos da Copa do Mundo e Paulistão.
Benja

Dorival Júnior durante jogo do Brasil - Divulgação/CBF

Dorival Júnior ignorado pelos jogadores momentos antes dos pênaltis entre Brasil e Uruguai viralizou. Surpreendido, Benjamin Back, o Benja, afirmou que a imagem mostra que o treinador não tem condições de seguir no comando da seleção brasileira.

PUBLICIDADE

Não dá mais. Eu adoro o Dorival. Adoro. Não é que eu não gosto do Dorival. Adoro o Dorival. Mas acabou com essa imagem de ontem. Acabou o Dorival na Seleção. Não tem mais como ele ser técnico da Seleção”, afirmou, durante o Domingol, na CNN.

Para Benja, o episódio escancara ainda mais a necessidade de um treinador estrangeiro na seleção. Assim como já disse inúmeras vezes, o profissional acredita que Jorge Jesus seria uma excelente alternativa para recuperar o futebol do Brasil.

PUBLICIDADE

“Você tem que trazer um técnico estrangeiro. O Dorival entra e convoca as mesmas coisas que todo mundo convoca. Tem convocações que são estranhas. Eu não tenho a menor dúvida que outros atletas seriam convocados e o Brasil jogaria de outra forma”, dispara.

“Independente da amizade que eu tenho ou não, venho falando isso faz tempo. Eu traria pra ontem o Jorge Jesus para ser o técnico da seleção brasileira. Ele fez o Flamengo jogar uma enormidade em 2019, conhece o futebol brasileiro. Não dá mais pra ter treinador brasileiro na seleção”, acrescenta Benja.

Ainda que considere Abel Ferreira mais uma ótima possibilidade, o mesmo acredita que Jesus tenha um estilo de jogo que ‘casa’ com a seleção. “O brasileiro gosta, que é agressivo, intenso. O Flamengo fazia 4 gols e ele queria mais. Poupar? Poupar pra que. Ele é assim”.

Criticado por Benja, Dorival Júnior segue na seleção brasileira

Horas depois da eliminação do Brasil na Copa América, o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues tratou logo de eliminar qualquer possibilidade de troca no comando do time. Segundo ele, Dorival Júnior segue normalmente.

PUBLICIDADE

“Daqui dois meses tem eliminatórias e o projeto é exatamente esse: de continuar (com Dorival), entendendo, intensificado e trabalhando. E o objetivo agora de eliminatórias, temos jogos setembro, outubro e novembro, são seis jogos. É o ciclo de Copa do Mundo, e ele está com toda a sua comissão técnica bastante consciente daquilo que foi feito”, disse, à ESPN.

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial