Australian Open: Pavlyuchenkova surpreende, bate Pliskova e avança

Sem se encontrar em quadra, Pliskova perdeu em dois sets para a russa Pavlyuchekova no Australian Open e segue sem conquistar Grand Slams

Guilherme Azevedo
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Foto: Divulgação/Twitter

Com uma atuação apática, a tcheca Karolina Pliskova não resistiu e foi derrotada na terceira rodada do Australian Open. A russa Anastasia Pavlyuchenkova venceu por 2 sets a 0, parciais de 7/6 (7-4) e 7/6 (7-3) e avançou às oitavas na Austrália. Assim, Pliskova perderá pontos no próximo ranking a ser divulgado pela WTA, pois perdeu nas semifinais ano passado. Além disso, a nº2 do ranking segue sem ganhar Slams na carreira.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Jogo apático de Pliskova no Australian Open

Com aproveitamento baixo no saque, 62% apenas, Pliskova foi apática durante todo o jogo no Australian Open. Displicente, a tcheca perdeu pontos fáceis e encontrou uma adversária inspirada. Agressiva, Pavlyuchenkova foi melhor no ataque, embora com mais erros. Dessa forma, Pliskova não soube controlar o jogo e se arrastou nos dois sets.

O segundo game do primeiro set durou quase vinte minutos e foi o principal destaque da primeira parcial. Pavlyuchenkova chegou a ter uma quebra acima, mas sofreu o break. No tiebreak, a russa atacou o segundo saque de Pliskova e soube ser agressiva na hora certa.

O segundo set foi equilibrado e com vários games longos. Pavlyuchenkova perdeu várias chances de quebra durante o set e Pliskova se arrastou para levar ao tiebreak. No game decisivo, mais uma vez a russa, 30 do mundo, voltou a controlar as ações e sacou melhor para ganhar o jogo.

Com a vitória, Pavlyuchenkova está classificada para as oitavas do Australian Open pelo segundo ano seguido. Nas quartas, a russa irá enfrentar Angelique Kerber. A alemã bateu a italiana Camila Giorgi por 2 sets a 1. As duas já se enfrentaram 14 vezes pelo circuito da WTA e cada uma venceu sete vezes. Assim, a expectativa é por um duelo equilibrado na Austrália.

LEIA MAIS
Conheça Cori Gauff, a jovem que eliminou Naomi Osaka no Australian Open