Conte recusa retorno de Gabigol e Inter já tem planos para dinheiro da venda, afirma jornal

Flamengo negocia compra em definitiva do atacante, mas ainda diverge nos valores pedidos pela equipe italiana

Matheus Leal
Setorista e editor-assistente do Torcedores.com

Crédito: Alexandre Vidal / Flamengo

O fico de Gabigol no Flamengo parece iminente apesar da novela se prolongar mais do que o clube gostaria. Isso porque a Inter de Milão já teria até planos para usar o dinheiro da venda do brasileiro. A informação é do Calciomercato, da Itália.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

De acordo com a publicação, a Inter de Milão pretende utilizar o dinheiro da venda de Gabigol na contratação do meia Eriksen junto ao Tottenham. O imbróglio, porém, se deu por divergências de valores. Inicialmente a negociação estava acordada em 16 milhões de euros, no entanto os italianos agora pedem 18 milhões de euros e mais uma porcentagem em uma futura venda.

Uma informação importante do Calciomercato é que Gabigol teria tentado uma segunda chance na Inter, mas o técnico Antonio Conte recusou seu retorno. Inclusive, afirmou em entrevistas que não contava com o brasileiro.

Em coletiva nessa quinta-feira, o vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz, afirmou que a expectativa do clube é que possa se resolver nos próximos dias.

“A expectativa é a mesma. O Flamengo vem tentando fazer os ajustes pertinentes nessa contratação. Hoje, o Gabriel é atleta da Inter. Ela que vai estabelecer o que o atleta tem que fazer. Até lá, claro, trabalhamos pra resolver antes de segunda. Tanto a Inter, quanto o estafe do jogador vêm se esforçando para fazer esses ajustes finais. O que eu sinto em relação ao Gabriel hoje é o mesmo que sentia desde o começo do ano. Temos que ter paciência e tranquilidade para uma contratação como essa”, disse

LEIA MAIS

Fla TV ganha 90 mil novos inscritos em dois jogos do Carioca; canal se aproxima dos 2,5 milhões

Globo, Fox, SporTV e Facebook: veja onde as partidas do seu time na Libertadores 2020 serão transmitidas

Rede Globo x TNT: veja como ficará a divisão de TV no Brasileirão 2020