Sem Paco Alcácer, veja a provável escalação do Borussia Dortmund contra o Augsburg na Bundesliga

A primeira partida oficial do Borussia Dortmund pela Bundesliga em 2020 pode marcar a estreia de Erling Haaland pelo clube

Luis Felipe Pereira
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/ Borussia Dortmund

Após muito tempo de espera, a bola finalmente voltará a rolar pela Bundesliga neste sábado (18), com seis partidas válidas pela 18ª rodada da competição nacional. O destaque fica por conta do confronto entre Borussia Dortmund e Augsburg, que se enfrentam na SGL Arena, às 11h30 (de Brasília).

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

O time auri-negro entrará em campo na quinta posição com 30 pontos, três a menos que o rival Schalke, clube que fecha a zona de classificação para a próxima Champions League, e sete atrás do líder Red Bull Leipzig. Em seu último compromisso de 2019, o Borussia Dortmund foi derrotado pelo Hoffenheim por 2 a 1. Durante a pausa de inverno, realizou amistosos contra Standard Liège, Feyenoord e Mainz 05, somando um empate, uma vitória e uma derrota, respectivamente.

Do outro lado, o Augsburg faz uma campanha de meio de tabela, ocupando a décima posição com 23 pontos, oito acima da zona de rebaixamento. O encontro mais recente com o adversário deste sábado não traz boas recordações ao clube, que foi goleado por 5 a 1 pelo Dortmund.

Provável escalação do Borussia Dortmund

O técnico Lucien Favre não contará com Paco Alcácer e Zagadou para a partida, por opção técnica. A ausência do atacante espanhol entre os relacionados reforça os rumores de uma possível transferência para o Valencia nesta janela.

Delaney e Schmelzer são dúvidas para o jogo que deve marcar a estreia do norueguês Erling Haaland. O jovem de 19 anos foi contratado com grande expectativa pelo Borussia, porém não deve ser titular, já que se recuperou recentemente de lesão.

O Borussia Dortmund deve entrar em campo neste sábado (18) com a seguinte escalação: Bürki; Piszczek, Akanji e Hummels; Hakimi, Witsel, Brandt e Schulz; Sancho, Reus e Hazard.

LEIA MAIS:

Delaney rasga elogios a Haaland: “Há muito tempo o Borussia Dortmund não tinha um atacante como ele”