Zidane defende Valverde após expulsão: “tinha que fazer aquilo”

Uruguaio acabou salvando o Real Madrid na final da Supercopa

Matheus Camargo
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/Site Oficial Real Madrid

O volante Fede Valverde acabou expulso no fim do clássico contra o Atlético de Madrid, que decidiu a Supercopa da Espanha, ao acertar um pontapé em Morata, que ia em direção ao gol e poderia dar o título ao clube colchonero.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Ao fim da partida, Zidane foi questionado sobre a violência da entrada do uruguaio, concordou que o lance foi “grosseiro”, mas disse que ele tinha que fazer aquilo para ajudar a equipe.

Futebol de graça e ao vivo por 1 mês? Conheça o DAZN Brasil!

“Uma final é isso. Ele fez o que tinha que fazer. É uma falta violenta, mas tinha que ter sido feita naquele momento. Acho que ele fez bem. Na final é importante que tenha se desculpado com Morata, porque ambos se conhecem bem”, disse o treinador na coletiva após o título do Real Madrid.

Mesmo com a expulsão, Valverde recebeu o prêmio de melhor jogador da final da Supercopa, que foi disputada na Arábia Saudita e foi vencida pelo Real Madrid nos pênaltis.

“Levou o troféu de MVP e me alegro muito por ele. Tem feito um grande trabalho ao lado de todos. Estou seguro que ele vai compartilhar isso com todos seus companheiros.”

A imprensa espanhola tem dado destaque ao jovem uruguaio. Sonho de Zidane para o clube, Pogba teria perdido espaço nas discussões de mercado do clube devido ao sucesso do atleta, que para muitos é o melhor jogador merengue na temporada 2019/2020.

Assista à expulsão de Valverde na final da Supercopa da Espanha:

Leia mais:
Não foi só Valverde! Relembre 5 vezes que jogadores apostaram tudo para salvarem seus times e conseguiram

Jornal francês destaca “senso de sacrifício” e fala em redenção de Neymar no PSG