Após 14 anos na MLB, Martin Prado anuncia sua aposentadoria

Durante suas 14 temporadas na MLB, Prando atuou pelos Braves, Arizona, Yankees e encerrou sua carreira após 5 anos com o Miami Marlins

Matheus Ornellas
Colaborador do Torcedores

Crédito: Bleacher Report

Na última terça-feira (13), mais um jogador disse adeus aos gramados da MLB: o venezuelano Martin Prado. Aos 37 anos e após passagem por quatro franquias da Major League Baseball, o terceira base anunciou a Network reports que não voltaria para a temporada 2020. Seu último time na MLB foi o Miami Marlins, por onde ficou por cinco temporadas.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram 

Carreira na MLB

Sua primeira equipe da Major League foi o Atlanta Braves, em 2006. Em suas duas primeiras temporadas, Prado teve poucas oportunidades, porém correspondeu quando foi utilizado. Martin realmente começou a contribuir para os Braves em seu terceiro ano, quando participou de mais das metades das partidas (78) e teve uma incrível média de .320 no bastão.

Durante os quatro anos seguintes, ele assumiu seu papel na terceira base. Suas atuações o levaram ao All Star game em 2010, um de seus melhores anos na MLB. Em todas as temporadas, Martin teve ao menos 129 partidas, além de 139 rebatidas e um percentual de .260. Ao final da temporada de 2012, o venezuelano foi envolvido em uma troca que o levou ao Arizona Diamondbacks.

Arizona e curta passagem pelos Yankees

Em seu primeiro ano por um novo time na MLB, o jogador justificou seu contrato de 40 milhões de dólares. Ele teve sua segunda maior marca de Home Runs (14), mais de 150 jogos e 172 rebatidas. Na temporada seguinte, ele fez mais de 100 partidas pelos Diamondbacks antes de ser envolvido em uma troca com o New York Yankees.

Ao chegar em NY, o jogador seguiu sendo eficiente no bastão para uma das maiores franquias da MLB. Ele inclusive decidiu uma grande partida contra o Chicago Cubs, o que fez ele crescer com a torcida. Porém, por conta de uma apendicite séria, o venezuelano só teve 37 partidas pela franquia. Mesmo com bons números durante sua estadia, ele mais uma vez foi envolvido em uma troca, agora com o Miami Marlins.

Miami Marlins e aposentadoria da MLB

Ao chegar na Flórida, o agora experiente terceira base mostrou que tinha muita potência para gastar. Durante 2015 e 2016, ele seguiu sendo umas das grandes armas no bastão, com médias de .288 e .305. Na segunda temporada, ele ainda liderou a MLB em rebatidas contra lançadores canhotos. Ao final de 2016, os Marlins renovaram seu contrato e, com isso, mantendo Martin por 40 milhões de dólares.

Porém, as temporadas seguintes começaram a mostrar que a idade do jogador estava sendo um fiel da balança. O venezuelano começou a sofrer com uma série de lesões, que o tiraram de campo por muito tempo. Se analisarmos o número de partidas, as temporadas de 2017 e 2018 só tiveram mais jogos que suas duas primeiras temporadas na MLB, quando ainda estava entrando no ritmo da liga.

Após sofrer com tantas lesões, o jogador teve uma última temporada respeitável. Mesmo com uma média de .233 e somente dois Home Runs, Prado participou de 104 partidas com os Marlins e mostrou que estava totalmente recuperado de suas lesões. Mesmo assim, ele deu sinais que talvez não retornasse para a temporada de 2020, o que acabou se confirmando.

Martin Prado deixa a MLB com uma média de .287 em 14 temporadas, 1542 rebatidas e exatamente 100 Home Runs. O jogador será lembrado por sua grande produção no bastão e, por muitos ex-colegas de equipes, como um dos líderes de todas as franquias que teve passagem.

LEIA MAIS