Confira os resultados da 16ª rodada da Superliga Feminina de Vôlei

Somente o Valinhos conseguiu vencer dentro de casa na rodada

Eduardo Statuti
Estudante de jornalismo na Universidade Federal de São João del-Rei. No Torcedores desde 2019.

Crédito: Divulgação Superliga/Marcelo Cortes/Flamengo

A décima sexta rodada da Superliga de vôlei feminino 2019/2020 teve início na última sexta-feira, (7) e seu fim no sábado (8) com apenas um confronto.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

 

Na rodada, os três primeiros colocados no torneio venceram seus confrontos fora de casa. Ademais, o Praia Clube venceu o Fluminense com tranquilidade, enquanto Sesc e Minas encontraram mais dificuldade em seus jogos. Ademais, no duelo dos desesperados, o São Caetano venceu o Flamengo no tie-break e ficou dois pontos atrás do Curitiba, primeiro time fora da zona de rebaixamento.

Resultados da 16ª rodada da Superliga Feminina de vôlei

Curitiba Vôlei 1 x 3 Itambé Minas

Dentro de casa o Curitiba não conseguiu encerrar sua má fase e perdeu pela sexta vez seguida. Enquanto o Minas manteve seu bom rendimento, perdeu apenas um set e manteve sua terceira colocação na tabela. Assim sendo, parciais foram de 20/25; 25/22; 25/17; 25/20.

 

Renata Valinhos 3 x 1 Pinheiros

Fugindo da zona da degola e sonhando com o G-8, o Valinhos venceu seu concorrente direto dentro de casa. Após perder um primeiro set disputado, os donos da casa embalaram e venceram os outros três. A vitória deixou o Renata três pontos atrás do Pinheiros, oitavo colocado. Desta maneira, as parciais foram de 23/25; 25/17; 25/17; 25/21.

 

Osasco 0 x 3 São Paulo

Fora de casa, as são-paulinas venceram com tranquilidade o terceiro colocado da Superliga. Após duas derrotas acachapantes nos primeiros sets, o Osasco apertou no terceiro mas ainda assim perdeu. Mesmo com a derrota, as osasquenses ainda têm 13 pontos de vantagem sobre o São Paulo na tabela. Sendo assim, as parciais foram de 14/25; 16/25; 22/25.

 

Fluminense 0 x 3 Praia Clube

As líderes da Superliga venceram com tranquilidade as tricolores na sexta-feira, (7). Desta maneira, com a vitória, o Praia Clube ficou 29 pontos a frente da última equipe que se classifica para a próxima fase. Enquanto o Fluminense se manteve na sétima colocação com vantagem confortável para o Renata, nono colocado. Ademais, as parciais foram de 21/25; 19/25; 21/25.

 

Confrontos Rio-São Paulo

Sesi-SP 2 x 3 Sesc-RJ

No confronto Rio-São Paulo da rodada, as cariocas levaram a melhor. Após abrirem dois sets de vantagem, o Sesc permitiu que as adversárias empatassem a partida. Contudo, no tie-break, o Sesi não conseguiu a virada e perdeu a partida. Sendo assim, o Sesi ficou 11 pontos atrás da equipe carioca, que se encontra na segunda colocação. Desta forma, as parciais foram de 21/25; 21/25; 25/19; 25/21; 16/18.

 

Flamengo 2 x 3 São Caetano

No único jogo do sábado, a equipe paulista levou a melhor no segundo confronto Rio-São Paulo da rodada. O São Caetano abriu dois sets de vantagem com parciais largas, mas permitiu que as rubro-negras empatassem a partida. Mas no tie-break, as paulistas trouxeram a vitória para casa, e se aproximaram do Flamengo na luta contra o rebaixamento. Sendo assim, as parciais foram de 15/25; 20/25; 25/18; 25/17; 13/15.

LEIA MAIS:

São Caetano supera o Flamengo em cinco sets e vence a primeira na Superliga Feminina