Coronavírus impede atacante do Manchester United de viajar com o time para a Espanha

Odion Ighalo não vai viajar com o time para o período de treinamentos na Espanha. Trata-se apenas de uma preocupação com questões de permissão de visto

Aécio de Paula
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação: Manchester United

O atacante Odion Ighalo não vai viajar com o Manchester United para a Espanha. Tudo por causa das preocupações com o cornavírus. Mas o jogador não tem qualquer sintoma da doença. Trata-se apenas de uma questão protocolar para evitar qualquer constrangimento em relação aos vistos. É que o atleta chegou da China há alguns dias. Portanto, o clube inglês teme que o jogador seja impedido de voltar para a Inglaterra caso faça mais uma viagem internacional.

DAZN agora custa menos de R$1,00 por dia e o primeiro mês é grátis! Assine já!

O Manchester está viajando para Espanha para um período de treinamentos.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Ighalo foi transferido do time chinês Shanghai Shenhua para o Manchester United no último dia da transferência europeia. Essa transação foi recebida com muita surpresa pelos analistas principalmente porque é um acordo que não inclui poder de compra pelo time inglês. Em entrevista, Ighalo disse que o Manchester era o seu time de infância e que aceitou inclusive uma diminuição em seu salário.

Acompanhe as notícias do seu time pelo Facebook

Em entrevista, o técnico do time inglês Ole Gunnar Solskjaer explicou a situação. “Ele adoraria vir conosco. Aliás, seria muito importante esse processo para que ele fique ainda mais ambientado com o resto do time. Mas o fato é que não queremos correr esse risco”, disse o comandante.

“Odion ficará em Manchester, porque, como ele vem da China nos últimos 14 dias e as notícias do vírus, não temos certeza se ele poderá voltar para a Inglaterra se deixar o país novamente. Dessa forma, ele fica aqui trabalhando com um treinador pessoal, um programa individual e sua família também podem se estabelecer na Inglaterra”, completou.

Controle

O surto do coronavírus está fazendo os países aumentarem seus níveis de segurança. Não está sendo diferente no Reino Unido. O país está monitorando todo cidadão que está chegando da China no intervalo dos últimos 14 dias. Neste grupo de pessoas, está o jogador Odion Ighalo, do Manchester United.

Até a publicação desta matéria, 723 pessoas morreram na China por causa da doença. Na madrugada deste sábado (8), foi confirmada a primeira morte de um estrangeiro pelo surto. Trata-se de uma norte-americano de 60 anos. Ele estava na China.

LEIA MAIS

Primeiro-ministro do Japão nega adiamento das Olimpíadas em Tóquio: “Nunca foi cogitado”