Eliminado do BBB, ex-jogador Hadson diz que não é machista, mas reconhece: “Eu errei, me arrependo”

Ex-jogador participou de uma entrevista no programa da TV Globo após ser eliminado na última terça

Rogério Araujo
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Reprodução/TV Globo

Hadson, um dos participantes do BBB20 mais comentados nas redes sociais nas últimas semanas foi eliminado na noite desta terça-feira com 79,71% dos votos.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

O ex-jogador foi acusado de ser um dos vilões desta edição do programa por conta do seu comportamento na casa, inclusive sendo acusado de ser machista nas redes sociais. Durante o programa, Hadson participou de uma estratégia de seduzir as mulheres comprometidas aqui fora para poder manchar a imagem delas, o que gerou a revolta de muitos internautas.

“Eu errei, tive uma falha”, afirmou o ex-jogador durante o programa “Mais Você”, da TV Globo, na manhã de hoje.

“Não fui eu que criei aquilo. Foi cada um falando um pedaço que queria fazer para que a gente pudesse chegado à final. Errei na hora errada, não era para ter falado aquilo”, afirmou o ex-participante. “Entrei no ‘Big brother’ muito focado no game. Quando eu estou competindo, sou dessa forma”, completou.

Hadson disse ainda que está arrependido do plano que teve com os outros colegas homens dentro da casa do BBB e que não se considera um homem machista.

“Me arrependo de ter comprado essa ideia. Eu deveria ter entrado como eu sou, normal. Não me considero um cara machista. Tenho 38 anos de idade e é a primeira vez que passo por uma situação dessa. Mas assumo que errei e dá o direito às mulheres de acharem que eu sou”, afirmou.

LEIA MAIS: