Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Maradona recebe pílulas durante jogo na Argentina e imagem viraliza

Durante o flagrante feito por uma televisão argentina, equipe técnica do ex-craque tentou encobrir a cena

Felipe Gomes da Costa
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/Facebook Club de Gimnasia y Esgrima La Plata

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

No último sábado (15), durante a vitória de 1 a 0 do Rosario Central diante do Gimnasia y Esgrima, pelo Campeonato Argentino, Diego Maradona, atual treinador da equipe visitante, foi flagrado recebendo alguns comprimidos. O momento, que foi captado por uma câmera da TNT Sports, repercutiu na internet, e levantou especulações. De acordo com o jornal argentino Clarín, as pílulas eram apenas medicamentos para pressão alta.

Movimentação durante flagrante de Maradona

Durante a curiosa entrega das pílulas a Maradona, um fato chamou a atenção. No momento em que estava sendo filmado, o argentino contou com o apoio de companheiros de equipe, que encobriram a cena.

O fato ocorreu aos quatro minutos da etapa final do duelo. Confira o registro:

Outro flagrante

Esta foi a segunda vez que Maradona conviveu com semelhante situação no comando do clube argentino. Em setembro do ano passado, durante a derrota de 2 a 1 do Gimnasia para o Talleres, também haviam oferecido pílulas ao ex-craque, que optou pela recusa.

Situação no Campeonato Argentino

Com a derrota para o Rosario Central, o Gimnasia teve uma invencibilidade de cinco partidas na temporada quebrada. No Campeonato Argentino, a situação não é nada positiva – a equipe ocupa apenas a 22ª posição, com 17 pontos.

O próximo compromisso do time dirigido por Maradona será no próximo sábado (22), contra o Independiente, pela liga nacional.

Leia mais: Clubes se entendem e premiação do Brasileirão deve ter mudanças; veja novos valores 

Redenção? Jornal francês coloca Neymar no topo e diz que confronto com o Dortmund e Mbappé podem dar novo rumo ao jogador no PSG